O Pint of Science vai acontecer em dois bares da cidade durante três dias


O Pint of Science vai acontecer em dois bares da cidade durante três dias

pintofscienceEm São Carlos o evento foi um sucesso no ano passado

Nos dias 14, 15 e 16 de maio, dois bares de Araraquara – Quintal do Carmo e Villa’s Bar & Choperia, sediarão bate-papos com cientistas sobre temas como: Bebidas alcoólicas e seu consumo consciente; Biodiversidade e as minifábricas biológicas com fins tecnológicos; Vidros e suas aplicações tecnológicas como fibras óticas, smartfones, e outros; Avanços na odontologia: do câncer bucal ao uso de ácido hialurônico e botox; A utilização de dispositivos móveis como os celulares no aprendizado e O papel do jornalismo na difusão do conhecimento científico. A proposta é esclarecer dúvidas, apresentar pesquisas recentes nessas e em outras áreas do conhecimento e mostrar a beleza da ciência.

Será uma oportunidade para a população de Araraquara e região terem conversas descontraídas com os cientistas e entenderem melhor a dinâmica por trás das pesquisas, atrativos que fizeram sucesso na primeira edição do evento na cidade e que devem levar mais de 300 pessoas aos bares, por noite.

“A primeira edição do Pint of Science em Araraquara foi um sucesso. Para este ano a expectativa é de aumento considerável do público, principalmente do público leigo – aquele que não tem nenhum relacionamento direto com o meio universitário. Antes mesmo do evento ser divulgado, muitos já me procuravam para saber se Araraquara sediaria o evento novamente e se disponibilizando para ajudar na organização. A participação da UNIARA também é um diferencial este ano. Ninguém faz ciência sozinho, e a aproximação das duas maiores universidades da cidade (UNESP e UNIARA) e seus pesquisadores certamente renderão frutos para além deste festival”, diz Cíntia Milagre, coordenadora do evento no município.

PROGRAMAÇÃO

  Ao todo, serão promovidas 6 conversas, distribuídas entre os bares Quintal do Carmo e Villa’s Bar & Choperia.

No primeiro dia, haverá bate-papos sobre “Bebida alcoólica: efeitos, combinações de alto risco e consumo consciente” e “Mini fábricas biológicas para a aproveitamento sustentável da biodiversidade brasileira”. No dia 15, o destaque ficará por conta da discussão de “Avanços na odontologia: do câncer bucal ao uso de ácido hialurônico e botox” e “Dispositivos móveis e cultura escolar”, para encerrar, haverá o debate sobre “O fascinante mundo dos vidros - onde arte e tecnologia se encontram” e “Mídia e ciência”.

“Contaremos com a participação de pesquisadores renomados e reconhecidos internacionalmente em suas áreas de pesquisa. A ironia é que apesar deste reconhecimento internacional, a maioria da população de Araraquara e região não os conhece e nem sequer sabe o impacto para a sociedade das pesquisas que eles estão desenvolvendo aqui, bem pertinho deles. Os pesquisadores convidados estarão totalmente disponíveis para tirar as dúvidas do público, com o diferencial da garantia da qualidade da informação”, comenta Cíntia Milagre.

A programação completa está disponível no site pintofscience.com.br e não há necessidade de inscrição. A entrada é gratuita – paga-se apenas o que for consumido nos estabelecimentos – e não há emissão de certificado para o público.

DE NORTE A SUL DO BRASIL

 O Pint of Science nasceu em 2013, como uma iniciativa de pesquisadores da Inglaterra, e se expandiu graças a uma rede de voluntários. Neste ano, 21 países promoverão o evento de forma simultânea.

No Brasil, onde o festival foi realizado pela 1ª vez em 2015, na cidade de São Carlos, o Pint of Science acontecerá em 56 municípios distribuídos pelas cinco regiões e a expectativa é de que 50 mil pessoas compareçam aos bate-papos.