Início Agronegócio

Bioeletricidade equivale a 10% do consumo no Estado de São Paulo

O salto em abril deve-se ao início da safra da cana-de-açúcar

13
A informação é referente à geração a partir da biomassa em geral, incluindo o bagaço e a palha da cana-de-açúcar

A geração da biomassa ofertada no Brasil para a rede foi de 4.721 GWh, de janeiro a abril deste ano, o equivalente a 10% do consumo de energia elétrica do estado de São Paulo no mesmo período, conforme levantamento feito pela União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), com base em dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

O número representa crescimento de 12% quando comparado aos primeiros quatro meses de 2019. A informação é referente à geração a partir da biomassa em geral, incluindo o bagaço e a palha da cana-de-açúcar.

A maior variação mensal no período ocorreu em abril, com um crescimento de 23% da geração de bioeletricidade frente ao mesmo mês de 2019.

De acordo com Zilmar Souza, gerente de bioeletricidade da UNICA, o salto em abril deve-se ao início da safra da cana-de-açúcar na principal região produtora do país, a região Centro-Sul.

O levantamento mostrou que, entre 1º de abril e 1º de maio de 2020, o volume de cana-de-açúcar processado no Centro-Sul teve incremento de 32% em relação ao mesmo período da safra anterior.