Início Artigos

Da Bossa Nova passando pelo ‘Yé-Yé-Yé e as jovens tardes de domingo

Por José Pedro Renzi

479

Eram tempos alegres, conta ou narra Romano, que esteve ao lado do amigo baterista Paulo Benetti.

Eram tempos da jovem Guarda com Roberto Carlos, Erasmo, Martinha, Vanderleia, Renato e seus Blues Kepps.

Iam de baile em baile em Araraquara onde os Clubes abrigavam estes conjuntos musicais influenciados pela Música quase eterna dos Beatles, do Be Gees, e tantos outros grupos musicais que iriam ver e rever ou fazer esta época de ouro entre o Romantismo da Bossa Nova, o uso da Guitarra e os Festivais da Canção Universitária em 1967, 68 e 69, ao lado da TV Record.

Espaço para dançar e tomar a Cuba Livre…!

Em Araraquara, estes conjuntos musicais formariam ao lado do The Jungles, os Bruxos, o grupo dos 5, o Spectro4, os Atômicos e também os Rips, onde tocaria Carlinhos Nigro e amigos.

Foram anos de lembranças atuais com o talento Musical de Marquinhos Volpe, onde em 1976 criou e atua até hoje no conjunto musical ou banda: Falso Brilhante, com Nalini Cantora, e  seus amigos de geração.

O Brasil vivia os tempos do regime militar pós-64,  vivia também a sua época de “explosão” da Guitarra, do rock, lembrando o surgimento do rock com Rita Lee, Arnaldo Batista nos conjuntos Os Mutantes.

Tempos da vida e do quase surgimento da tele-visão e da TV Record, com o produtor musical Solano Ribeiro que iria organizar os Festivais da Canção Universitária…! Festivais que passariam pela jovem na época TV Record.

Tal qual em Araraquara, no interior paulista vivia o baile de formatura, as brincadeiras dançantes, a forma e o conteúdo Musical, onde Aníbal Romano, Paulo Benetti, Flavio Gattas, Marcos Volpe, Nalini, e os extraordinários Músicos e compositores: Luiz Pavan, Vilcides, e Carlinhos Bomba. Fizeram e continuam a fazer ou estar nas Paradas do Sucesso.

Um quadro musical e cheio de Lirismo, onde os Músicos desejam estar novamente juntos, nestas “tardes de domingo”, como jovens, com a terceira idade, com a vida.

Onde, no dia 26 de outubro no Clube 27 de outubro, que irá comemorar 103 anos de vida, os Conjuntos Musicais e bandas, liderados por Marquinhos Volpe, Flavio Gattas, Paulo Benetti, Aníbal Romano, estarão bagunçando o Coreto, neste papo firme que o Roberto Carlos e a “jovem guardam” irão guardar nos corações e mentes dos expectadores e presentes no: Show Musical Interativo, a Música e o balanço dos anos 60 e 70…!

No dia 26 de outubro, Sábado Musical, no Clube 27 de outubro. Aguardem mais informações e venda dos ingressos e mesas para este “Imperdível Espetáculo Musical com os Músicos Araraquarenses”!

*José Pedro Renzi – Sociólogo, Professor e Poeta