Início Agronegócio

Colheita da soja começa no Paraná; 34% das lavouras no campo são consideradas ruins

Condições das lavouras de milho verão pioraram na semana ante a semana anterior, de acordo com Departamento de Economia Rural

9
A soja em grãos liderou a lista de produtos exportados em dezembro, com participação de 13,8% do total e receita de US$ 1,4 bilhão, aumento expressivo de 1.210,9% em relação ao mesmo período de 2020

As lavouras de soja da safra 2021/22 começaram a ser colhidas no Paraná. Até esta segunda-feira (10), 2% da área total plantada no estado havia sido colhida, segundo relatório do Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Agricultura do estado divulgado na manhã desta terça-feira (11). Os trabalhos de campo estão 2 pontos percentuais adiantados em relação à temporada anterior.

Das lavouras ainda no campo, o percentual de plantações em boa situação caiu de 30% na semana anterior para 29% agora; a área em condição média foi de 39% para 37%; e, em situação ruim, de 31% para 34%.

Das lavouras da oleaginosa no Paraná, 54% estão em frutificação, 25% em floração, 13% em maturação e 8% em desenvolvimento vegetativo.

MILHO NO PARANÁ

Em relação ao milho verão, as condições das lavouras pioraram na semana ante a semana anterior. As áreas em condições boas representam agora 32% do total, ante 35% há uma semana; em situação média, são 39% atualmente, acima dos 40% do período anterior; e em condição ruim, 29%, ante 25% da semana anterior.

O Deral informou, também, que 54% das plantações de milho se encontram na fase de frutificação, 23% em maturação, 19% em floração e 4% em desenvolvimento vegetativo.

De acordo com o órgão, foi iniciado também o plantio de milho de segunda safra (safrinha), no estado. Até segunda-feira, 1% da área prevista foi semeada. As plantações encontram-se 100% em boa condição e em germinação.