Início Agronegócio

Plantio da soja chega a 95% da área em Dourados (MS)

Devido à falta de instabilidades recentes, o plantio deve ser pausado e retornado a partir do dia 12, caso as chuvas se confirmem

115
As lavouras apresentaram um desenvolvimento inicial muito bom

O plantio de soja evoluiu bastante nos últimos dias em Dourados, no sul de Mato Grosso do Sul, atingindo 95% da área estimada de 225 mil hectares, segundo o departamento técnico da cooperativa Coperplan.

Segundo o engenheiro-agrônomo Eduardo Brandt, choveu bem até o dia 26 de outubro. De lá para cá, os produtores aproveitaram os bons volumes de umidade do solo para avançar nos trabalhos de plantio.

Para Brandt, com a previsão de uma nova chuva no dia 12, produtores deverão esperar as precipitações para concluir as atividades de cultivo da soja.

O engenheiro agrônomo diz ainda que as lavouras apresentaram um desenvolvimento inicial muito bom, divididas já entre as fases de germinação (50%), crescimento vegetativo (45%) e floração (5%).

“A situação das lavouras é boa, melhor se comparada à do ano passado, com os estandes mais uniformes. Se tudo correr bem, a expectativa é de que o rendimento médio fique entre 3.300 e 3.600 quilos por hectare de soja”, diz.

O mais recente levantamento da consultoria Safras & Mercado estima uma área de plantio para Mato Grosso do Sul de 3,25 milhões hectares de soja na safra 2020/2021. Alta de 6,9% ante os 3,040 milhões de hectares registrados na safra anterior (2019/2020).

A produção de soja deverá atingir 11,642 milhões de toneladas, 3,5% acima das 11,252 milhões de toneladas colhidas na safra 2019/2020. O rendimento médio deve ficar em 3.600 quilos por hectare, abaixo dos 3.720 quilos colhidos na temporada passada.