Início Agronegócio

Preços globais dos alimentos atingem maior patamar desde o início da pandemia

A Cogo ressalta que a alta no índice foi impulsionada pela elevação dos subíndices de produtos como açúcar e óleos vegetais

24

O índice de preços dos alimentos da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) alcançou média de 96,1 pontos em agosto, com alta de 1,8 ponto (2,0%) ante julho. O resultado é o maior registrado desde fevereiro deste ano, segundo análise feita pela Cogo – Inteligência em Agronegócio

A Cogo ressalta que a alta no índice foi impulsionada pela elevação dos subíndices de produtos como açúcar e óleos vegetais, além de cereais, que subiram modestamente. As preocupações com a produção agrícola nos Estados Unidos após os recentes danos às safras em Iowa, elevaram os preços do milho em 2,2% em agosto.

Em relação às carnes, destaque para a suína, que voltou a ter preços maiores após quatro meses de quedas consecutivas, impulsionados pelas importações da China.