Início Agronegócio

Tecnologia de fertilização foliar é tema de palestra no Sindicato Rural

Na noite de 16 de outubro o Sindicato Rural ofereceu mais uma palestra que visa melhorar a produtividade de seus associados.

97
Representantes da Coopercitus, Canasol e Sindicato Rural e associados

Dois engenheiros agrônomos foram convidados pela entidade para palestrar aos agricultores presentes, João Valdir Esverzuti Junior que é especialista em cana-de-açúcar da Coopercitrus, e Bruno Pereira Santos que também faz parte do quadro da Coopercitrus, mas trabalha com a linha de Fertilizantes Yara.

Os produtores receberam orientações de manejo de nutrição foliar, objetivando áreas de micro nutrientes na cultura de cana e também na soja.

A palestra visou uma maior produtividade dos campos, ajudando assim aos produtores ter um custo viável com a linha Yara Vita, que tem em seu portfólio mais de 20 produtos para ajudar a plantação a criar resistência.

“A tecnologia adotada por produtores em tempos de crise, visa baixar custo das plantações, com pequena quantidade de fertilizantes, aumentando o ganho de área em aplicação. Os fertilizantes folheares vêm para ajudar a produção a ser mais resistente e com pico alto de produção” – ressalta Bruno.

Os engenheiros agrônomos Bruno Pereira Santos e João Valdir Esverzuti

Para o Engenheiro João Valdir o ATR da cana – Açúcar Total Recuperável, está aquém dos custos das produções e em alguns pontos a produção também. Com a interseção entre preços e produção está fazendo o agricultor se tecnificar, para fazer mais com menos, mas de forma adequada. Os produtores que estão buscando tecnologia, fazendo uma análise de solo coerente, atendendo a agricultura de precisão no sentido operacional, no sentido de otimização através das recomendações especializadas, satélites que observam massas folhares, fazendo interseção de fertilizantes e corretivos corretos onde tem que ser feita, terão ganho. A perenidade do agricultor está alicerçada nas ações que ele tem que fazer de forma cada vez mais assertiva e utilizando bons produtos e serviços”- finaliza o especialista.