Início Cidade

Iluminação de led em Araraquara pode estar superfaturada, diz empresário

Empresário reafirmou neste domingo (02) ao RCIA que valores retirados dos serviços feitos em outros municípios são bem mais satisfatórios, gerando dúvidas sobre preços que estariam fugindo da realidade aqui em Araraquara.

2067
Empresário Nelson Gritti em nossa redação

O empresário Nelson Gritti em sua página no facebook disse nesta semana que o Programa da Prefeitura Municipal, o Iluminia Araraquara, pode estar com valores superfaturados em três vezes mais do valor de mercado na compra e execução dos serviços na troca de Lâmpadas de Led.

Empresário chama a atenção para os valores que constam em contrato

Segundo ele, a suspeita foi levantada após matéria veiculada ano passado na Tribuna do Paraná, onde Curitiba gastou 8 milhões de reais para substituir 16 mil pontos de luminárias de Led. Cada ponto de iluminacão ficou em torno de R$ 500,00. A mesma informação é apresentada no Sitio da Prefeitura de Curitiba. Em Campo Grande, a Prefeitura investe R$ 31 milhões para instalar 46 mil lampadas de Led.  O valor médio unitário é de R$ 673,00, estimativa de gastos também informados pela Prefeitura da Cidade.

Gritti lembra ainda em seu texto que – no mês de julho foi assinado contrato por meio de empréstimo entre Prefeitura de Araraquara e Caixa Econômica Federal, no valor de 53,2 milhões para trocar 33 mil pontos de iluminação por lâmpadas Led, com valor médio de R$ 1612,00

“Foi noticiado pela própria prefeitura há menos de 30 dias que houve investimento de 392 mil reais para instalar 126 pontos de Lâmpadas de Led no Parque Infantil, com valor médio de R$ 3100,00. Assim, comparadors aos valores gastos no município de Curitiba e Campo Grande, Araraquara tem valores 300% maior gasto na execução dos serviços. Esses valores tornam expressiva a diferença entre as cidades avaliadas”, argumenta o empresário.

“Precisamos nos atentar nesses pequenos detalhes que gerarão uma possível diferença de mais de 30 milhões de reais gastos desnecessariamente”, completa Nelson Gritti.