Presidente do Sincomercio em defesa da classe, faz um apelo para o bom senso

Equilibrado em seu posicionamento e ponderado nas colocações sobre as normas pontuadas pela Saúde Pública, o presidente Antonio Deliza Neto, do Sincomercio Araraquara, fez um depoimento exclusivo ao RCIA, deixando claro que lamenta profundamente o cenário, mas as dores das pessoas atingidas pela Covid 19 e os prejuízos causados ao comércio são irreparáveis.

1921

Depoimento único. É desta forma que o RCIA trata o conteúdo da manifestação do presidente Toninho Deliza sobre a chegada do coronavírus na cidade, da quarentena com isolamento das pessoas em suas casas e da preocupação da Saúde Pública em zelar pela vida das pessoas.

Como líder da classe varejista e apoiado por diretoria de onde partem decisões conjuntas sobre o posicionamento da instituição que respeita normas técnicas apresentadas pelas autoridades envolvidas no combate a doença, Toninho Deliza tem sido comedido nas suas manifestações e distanciado de embates políticos. Neste caso apela para que o bom senso seja a tônica de posicionamentos coletivos.