Início Cidade

Reforma da Casa da Cultura vence OP

201
O prédio histórico está com problemas estruturais

O projeto foi apresentado para votação do Orçamento Participativo, que aconteceu nesta quarta-feira (10) no Teatro Wallace.

Márcio Pontes, que é presidente do Conselho Municipal de Cultura diz que o prédio há muito tempo precisa de reparos estruturais e se isso não for realizado, terá que ser interditado.

“O prédio é histórico e abriga obras inestimáveis tanto no valor histórico como financeiro, pinacoteca, museu da imagem e do som e diversos arquivos que ali estão podem ser muito prejudicados se esta reforma não for feita e urgentemente, pois está sem manutenção há muitos anos” – afirma ele.

Ainda segundo Pontes, existe um laudo onde se afirma que o piso superior está com sérios problemas e possivelmente já será interditado. “O problema é estrutural, e essa obra é dispendiosa, não existe mais a possibilidade de um reparo leve”.

Márcio diz que o conselho cultural está pensando também no valor histórico que o prédio representa, pois ali já passou a Escola de Belas Artes, além de abrigar hoje diversos cursos, e tem o Teatro Wallace que também é utilizado, “obras e arquivos estão sendo prejudicadas pela infiltração”.

“É muito grave a condição da Casa da Cultura hoje, e não é de agora, esta reforma vem sendo protelada há muitos anos, precisamos de um olhar cuidadoso com tantas obras lá dentro”.

Pontes ressalta, que não desmerece outros projetos que entraram na pauta da votação da OP, mas está muito feliz que tenham consigo passar um projeto tão importante para a cidade. “Isso é um fato histórico” –  diz ele