Início Destaques

Em 2020 cidade deve polarizar eleição com Direita e Esquerda

Sendo provavelmente a mais histórica das eleições de Araraquara, a escolha do novo prefeito municipal no ano que vem, deve ficar radicalmente realmente entre candidatos da Direita e Esquerda. Como a atual situação, que é de esquerda, está definida valendo-se de Edinho Silva que buscará a reeleição, entre os prováveis candidatos de Direita surge o nome do Coronel Wagner Prado, ainda sem partido, que lidera a enquete com 30%

590
Coronel Prado, ainda sem partido e possibilidade de se filiar ao PSC - Partido Social Cristão, desponta como liderança de Direita. Ele confirmou nesta manhã de segunda, que será candidato.

Em uma enquete que está no portal RCIARARAQUARA.COM.BR há 7 dias e com término previsto para quinta-feira (12), a tendência é que um provável pré-candidato, o Coronel Wagner Prado, tenha a preferência dos eleitores-internautas de Araraquara. Em nossa primeira parcial, o militar atingiu o pico de 30% das indicações para a pergunta – Qual destes nomes lhe agrada mais para a prefeitura de Araraquara? Além de Prado, outros nomes – os mais comentados pela imprensa nas últimas semanas – participam desta ação do portal.

O médico Luis Cláudio Lapena Barreto, filiado ao Patriota recentemente, está com 21%, o que confirma essa tendência de Direita. O atual prefeito Edinho, tem 14% dos internautas eleitores, mas supera todos os políticos tradicionais da cidade, como Edna Martins (PSDB) com 9%, Marcelo Barbieri (MDB), 4%; Coca Ferraz (PSD), 3% e com a mesma indicação, Nino Mengatti (PSB).

Como esta é a única parcial a ser apresentada já que na sexta-feira serão dados os números finais à enquete as análises sobre as eleições de 2020 serão mais abrangentes com uma narrativa sobre os caminhos que poderão ser seguidos até o final do ano, quando apresentaremos nova enquete já com a definição de alguns dos pretensos pré-candidatos ou a marcha polarizada de Edinho Silva e um concorrente de ideologia direitista.