Início Destaques

Irmão e primo teriam abusado sexualmente de menina de 12 anos em Araraquara

Familiares da criança pareciam estar receosos em levar o caso adiante demorando quase três semanas para comunicar o fato às autoridades

433
Ocorrência foi registrada apenas neste sábado, após a passagem de 20 dias

Desde ontem, sábado (27), quando o caso foi denunciado o Conselho Tutelar em Araraquara acompanha um suposto caso de estupro de vulnerável que teria ocorrido cerca de 20 dias em bairro periférico da cidade.

A história narrada pela família ainda é cercada de dúvida já que à delegada Meirelene de Castro Rodrigues foi apresentado apenas o primo, um adolescente com 16 anos. No entanto a vítima, uma menina de 12 anos, também teria sido abusada sexualmente pelo próprio irmão.

Como o fato teria acontecido quase que três semanas atrás, observou-se que a família vinha relutando para comunicar o fato às autoridades policiais; assim, apenas o primo teria sido apresentado, posteriormente houve uma tentativa de se esclarecer quem de fato teria cometido o abuso.

Após o registro do fato em boletim de ocorrência ficou claro que o caso agora será buscará ser esclarecido pela Polícia Civil como sendo Estupro de Vulnerável.