Início Destaques

Alunos do SESI-SP conquistam dez prêmios em nacional de robótica

Na ocasião, os estudantes compartilharam suas ideias para a construção de “Cidades Inteligentes e a Sociedade do Futuro”

22

Dez prêmios e onze times classificados para torneios internacionais. A dedicação dos alunos da rede escolar SESI-SP pelos estudos em robótica os fez destaque na edição nacional do torneio First LEGO League (FLL), entre os dias 6 e 8 de março, em São Paulo. Os alunos das equipes Robotics School (Ourinhos) e Heroes (Jundiaí) ficaram com a segunda e terceira colocação na principal categoria do campeonato, classificações que os levam diretamente para competir em Houston (EUA), no mês de abril.

Quando partirem para o FIRST Championship levam reforços: o desempenho dos times X-Force (Bauru) e Big Bang (Birigui) no nacional também os classificou para o campeonato considerado a Copa do Mundo da Robótica, fazendo com que o SESI-SP ocupe todas as vagas disponíveis para esta importante competição.

Os estudantes do SESI-SP que foram ao nacional também subiram ao palco quatro vezes para receber a primeira colocação: os prêmios “Processo de Pesquisa”, “Solução Inovadora”, “Inspiração” e “Gracious Professionalism” foram entregues para a Big Bang (Birigui), Biotech (Barra Bonita), Morvan (Guarulhos) e Thunderbóticos (Rio Claro), respectivamente.

Já os alunos de Araras (equipe Los Atômicos) ficaram com o 2º lugar em “Processo de Pesquisa”. A X-Force, de Bauru, também chegou à segunda posição, na categoria “Apresentação”. Enquanto Robot Hunters (Cajamar) e Red Rabbit (Americana) se destacaram em 3º e foram premiados por “Programação” e “Estratégia e Inovação”.

Torneio internacionais

Além dos times que competem em Houston entre os dias 15 e 18 do próximo mês, o SESI-SP leva para fora do país os Thunderbóticos (Rio Claro). Os alunos vão participar do FIRST LEGO League Razorback Open Invitational, entre 14 e 17 de maio, no Arkansas (EUA).

Biotech (Barra Bonita), Los Atômicos (Araras), Red Rabbit (Americana), Robot Hunters (Cajamar), Thunderbirds (Garça) e Taiada Nexus (Caçapava), esta última estreante no nacional, classificaram para a First LEGO League Open Internacional, que este ano acontece no Rio de Janeiro, ainda sem data definida.

Conheça os projetos dos times vencedores na principal categoria do Torneio SESI de Robótica First LEGO League (Champions Awards):

Semáforo com reconhecimento facial para priorizar a travessia de idosos e cadeirantes

Pensando na promoção de cidades cada vez mais acessíveis, alunos do SESI Jundiaí (unidade Jardim Tarumã) criaram um instrumento de controle de tráfego capaz de realizar o reconhecimento de pessoas com mobilidade reduzida, como idosos e cadeirantes. Além de programar o tempo ideal e seguro de travessia, o sistema é autônomo na produção de energia.

O projeto foi desenvolvido pela equipe Heroes, formada há quatro anos e, hoje, integrada por estudantes com idade entre 12 e 15 anos, que cursam entre a 7ª série do ensino Fundamental ao 1º ano do Médio. Estreantes no nacional, em 2017, o time levou o prêmio Melhor Design do Robô na edição regional do torneio WRO (World Robot Olympiad).

App mapeia vagas de estacionamento em locais públicos

Com a finalidade diminuir tempo de buscas de vaga de estacionamento, e consequentemente congestionamento nas ruas, os alunos de Ourinhos pensaram num aplicativo que mapeia todas as vagas públicas de estacionamento, estejam livres ou ocupadas.

De Ourinhos, a equipe Robotics School, formada por estudantes entre 11 e 16 anos, de 7º ano do ensino Fundamental ao 2º do Médio, já participaram de cinco campeonatos mundiais, sendo a última premiação conquistada o título Gracious Professionalism, num torneio na Turquia, em 2019.