Início Esporte

Corinthians vence Goiás e se reabilita no Brasileirão

Em lance esquisito, Danilo Avelar garantiu a vitória para o Timão

22
Crédito: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians conseguiu conquistar a segunda vitória no Brasileirão. Na noite desta quarta-feira (2), os comandados do técnico Tiago Nunes foram ao estádio Serrinha, em Goiânia (GO), e venceram o Goiás, por 2 a 1, pela sétima rodada. O zagueiro esmeraldino Fábio Sanches, aos 27 minutos do primeiro tempo, marcou contra após bela trama alvinegra. Já Vinícius, aos 19 da etapa final, aproveitou vacilo da marcação e deixou tudo igual. Danilo Avelar, no apagar das luzes, garantiu o triunfo visitante.

Com o resultado, os visitantes foram aos oito pontos em seis jogos, enquanto os donos da casa ficam com quatro, em cinco partidas. Cabe lembrar que os corintianos tiveram a estreia no Brasileirão, que seria diante do Atlético-GO, adiada por conta da decisão do Paulistão Sicredi contra o Palmeiras. Os esmeraldinos, por outro lado, não enfrentaram o São Paulo, na primeira rodada, por causa dos elevados casos de Covid-19.

Muito criticado pela atuação defensiva na derrota, por 2 a 1, para o São Paulo, no Majestoso, o Corinthians buscou ter mais a posse de bola e propor jogo diante do Goiás. No entanto, os donos da casa é que criaram a primeira boa chegada. Aos sete minutos, Mike tabelou com Daniel Bessa e mandou para fora.

A resposta alvinegra saiu aos 13. Após contra-ataque, Gustavo Mosquito foi acionado por Jô e bateu tirando tinta da trave esquerda. Aos 27, os visitantes passaram a bola de pé em pé, da esquerda para o centro até que Cantillo recebeu e deu lindo lançamento para Ramiro. Ele fez a ‘casquinha’ para dentro da área. Fábio Sanches tentou afastar e mandou para dentro.

Cássio, porém, ainda precisou aparecer duas vezes aos 41 minutos. Primeiro, após bola alçada na área que ficou pererecando e foi na direção da baliza. No rebote, Mike testou firme, mas o goleiro corintiano voltou a aparecer.

Os primeiros minutos da etapa final até tiveram algumas chances. Entretanto, Mike, aos três e aos oito, em duas finalizações para os donos da casa, e Jô, aos 12, de cabeça, para os visitantes, não capricharam nas tentativas e levaram menor perigo do que poderiam. Já aos 15, Fagner obrigou o goleiro mandante, Tadeu, a fazer bela intervenção.

Na grande chance que teve até ali, o Goiás chegou ao empate. Aos 19, Gil não acompanhou a linha e deu condições para que Vinicius fizesse a infiltração, recebesse grande lançamento de Miguel Figueira e ficasse frente à frente com Cássio. Ele só precisou dar um toquinho, tirando do goleiro, para deixar tudo igual.

No final, o Corinthians pressionou pelo triunfo. Aos 36, Luan recebeu de Léo Natel e bateu para grande defesa de Tadeu. Otero ficou com a sobra e emendou. Com os pés, o goleiro da casa fez outra intervenção importante. Já aos 45, em lance esquisito, Danilo Avelar conseguiu desviar de cabeça e vencer o arqueiro ex-Ferroviária.

As duas equipes voltam a campo já no final de semana, pela oitava rodada do Brasileirão. No sábado (5), o Corinthians recebe o Botafogo, em São Paulo, na Neo Química Arena, às 19h. No domingo (6), às 20h, o Goiás vai à Ilha do Retiro, em Recife (PE) enfrentar o Sport.

Com informações da FPF.org