Início Esporte

“Gera”, ex-roupeiro da Ferroviária, é encontrado morto em sua residência

Vitima foi encontrada por vizinha; Ele foi funcionário da Ferroviária, trabalhando como roupeiro e também porteiro do clube

653
Gera era uma figura querida entre os afeanos

Geraldo Donizete Adriano, de 62 anos, foi encontrado morto em sua residência na manhã desta sexta-feira, próxima ao SESI, na Vila Xavier, por sua vizinha que estranhou a sua ausência nos últimos dias e acionou a Polícia Militar.

A família foi comunicada e logo se manteve em acompanhamento ao fato que entristeceu a todos, principalmente os admiradores do clube e seus amigos, pois ele era muito querido no bairro e nos meios esportivos.

De acordo com informações, suspeita-se que a vítima estava com covid-19. Isso no entanto está sendo investigado pelas autoridades da Saúde Pública. Familiares contestam a informação de que ele teria sido acometido pela doença.

Gera, como era conhecido, trabalhou por 35 anos na Ferroviária, sendo que 30 dedicados como roupeiro da equipe principal. Anteriormente, trabalhava na portaria da sede do clube, na Fonte Luminosa, e deixou a função há dois anos. Ele morava sozinho.

Torcedores da Ferroviária através das redes sociais enalteceram o trabalho que Gera desenvolveu no clube e segundo os amigos deixa um enorme vazio na comunidade.