Início Esporte

Pandemia do coronavírus afeta o mundo esportivo

Partida do Brasileirão Feminino será realizada com portões fechados, no Distrito Federal

35
Partida entre Minas ICESP e Ponte Preta, no Bezerrão, será com portões fechados - Crédito: Divulgação / FIFA

Com cerca de 120 mil casos e com mais de 4 mil mortes em todo o mundo, diversos campeonatos de futebol são afetados, seja com jogos adiados, cancelados ou com portões fechados.

Pelas oitavas de final da Champions League, PSG e Borussia Dortmund, e Valência e Atalanta, foram realizados com portões fechados. Barcelona e Napoli, e Bayern e Chelsea, são outros jogos que acontecerão na próxima semana sem a presença de torcida.

Já pela Europa League, Inter de Milão e Getafe, e Sevilla e Roma, foram adiados e ainda não tem uma nova data para os confrontos que aconteceriam nesta quinta-feira.

No Campeonato Espanhol, quatro rodadas foram suspensas pela federação. No inglês, a partida entre Manchester City e Arsenal foi adiada, pois alguns os jogadores do time londrino tiveram contato Evangelos Marinakis, presidente do Olimpiakos, da Grécia, que está com o coronavirus.

Já Campeonato Alemão, nove jogos da primeira divisão e seis da segunda, serão realizados com portões fechados. Rodadas do Francês e Português também foram influenciadas.

Lembrando que todas as modalidades esportivas na Itália estão suspensas até o dia 3 de abril.

Ao que tudo indica, as primeiras rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo de Futebol também serão adiadas. A Conmebol enviou o pedido de adiamento e aguarda a confirmação da FIFA.

PARTIDA DO BRASILEIRO FEMININO SERÁ COM PORTÕES FECHADOS

O Minas ICESP anunciou que o confronto diante da Ponte Preta, neste sábado, às 15h, no estádio Bezerrão, em Gama, no Distrito Federal, pela 5ª rodada do Brasileirão Feminino, será realizado com portões fechados.

De acordo com nota divulgada, o clube seguirá o decreto do governador Ibaneis Rocha, que suspende as aulas das redes do ensino público e privado, além de eventos com público superior a 100 pessoas, por cinco dias.

A suspensão poderá ser prorrogada pelo mesmo período.

NBA É SUSPENSA

Na noite de ontem, a NBA anunciou a suspensão de todos os jogos da temporada, após a confirmação do coronavírus envolvendo o pivô Rudy Gobert, do Utah Jazz.

Outro jogador da equipe que testou positivo foi o ala-armador Donovan Mitchell. O resultado saiu no início da tarde desta quinta-feira.

A principal liga de basquete aproveitará o hiato para decidir quais serão os próximos passos que deverão ser tomados. Existe a possibilidade dos jogos serem realizados com os ginásios vazios.

F1 MANTÉM PROGRAMAÇÃO; MCLAREN DESISTE DO GP DA AUSTRÁLIA

A Formula 1 tem início neste final de semana e cercada por incertezas. O clima entre pilotos e equipes é para que o GP da Austrália não aconteça.

Certo mesmo é a ausência da McLaren. Um dos seus funcionários contraiu o coronavírus e está de quarentena. Por conta do caso, a equipe decidiu não participar do circuito deste final de semana por precaução.

Incomodado com a situação, o piloto da Mercedes, Lewis Hamilton, comentou sobre o que tem ocorrido nas últimas semanas.

“Estou muito, muito surpreso por estarmos aqui. É ótimo termos corridas, mas, para mim, é chocante estarmos todos sentados nesta sala e que haja tantos fãs na pista. Parece que o restante do mundo está reagindo, provavelmente um pouco tarde. A NBA foi suspensa, mas a F1 continua trabalhando”, disse.

A FIA também comentou sobre o caso, mas não definiu se o início de temporada será suspenso.

“Após o resultado do exame em um membro da equipe McLaren, a F1 e a FIA mantiveram contato direto com eles sobre a decisão de deixar o evento e coordenam agora com todas as autoridades relevantes as próximas etapas. Nossa prioridade é a segurança dos fãs, das equipes e todos os envolvidos”, declarou em nota.