Início Ferroviária

Aline Milene lamenta nova derrota da Ferroviária: “Foi um balde de água fria”

Novamente, fator físico foi o diferencial para que a equipe não rendesse durante o jogo do último domingo

24
Crédito: Jonatan Dutra / Ferroviária S/A

Em sua volta a Fonte Luminosa, a Ferroviária conheceu a sua segunda derrota no Brasileirão Feminino A-1 para o Internacional na tarde deste domingo.

A equipe vencia até os 40 minutos da segunda etapa, mas acabou levando o empate e, já aos 48, a virada e deixou escapar pontos preciosos em casa.

Autora do gol grená e que também foi o seu primeiro na temporada, a meia-atacante Aline Milene falou, após o jogo, sobre o desgaste físico no decorrer da partida, mas que o momento é de passar pelos obstáculos e levar a equipe ao topo novamente dentro da competição.

“É uma volta complicada em relação aos quesitos que têm que serem trabalhados pela forma [física] que perdemos durante estes cinco meses de paralisação. Sabemos das dificuldades que aconteceriam durante o jogo, começamos em uma pegada bem bacana, tivemos oportunidades de fazer gols, mas foi um balde de água fria. Agora, a gente retorna para as nossas origens e vamos analisar o que a gente pode fazer de diferente ao mais alto nível, ao nível que a Ferroviária joga e aonde nós queremos chegar”, declarou.

Sobre o longo tempo parado durante a pandemia, Aline diz que a equipe tem que seguir trabalhando para que a questão física não seja um problema no decorrer dos jogos.

“É um processo. Vai levar tempo e sabemos disso. Perdemos muito na parte física por termos trabalhado em casa e não temos uma mesma estrutura como tem no clube. É uma volta que a gente sabe que vai ter esta dificuldade, mas nós estamos trabalhando diariamente para poder evoluir e fazer o melhor nesta parte. Podem esperar isso nos próximos jogos que, na questão da parte física, nós vamos dar o nosso melhor”, disse a jogadora.

Na próxima rodada, as Guerreiras Grenás farão confronto inédito diante do Grêmio, sábado, às 17h, novamente na Fonte Luminosa, pela sétima rodada do Brasileiro.