Início Ferroviária

Após eliminação na Série D, zagueiro é o primeiro a deixar a Ferroviária

Contrato do jogador foi encerrado e não foi renovado para a próxima temporada

231
Crédito: Jonatan Dutra / Ferroviária S/A

As mudanças iniciadas dentro da Ferroviária seguem e desta vez chegou até o elenco principal que disputou a Série D do Brasileiro.

O primeiro a deixar o clube foi o zagueiro Max, teve o seu contrato encerrado no último dia 16 e não foi renovado.

Mesmo com as constantes mudanças no comando técnico da equipe, o zagueiro de 33 anos foi titular em 26 dos 33 jogos feitos entre Paulistão/Troféu do Interior, Copa do Brasil e Série D.

O seu único gol com a camisa grená aconteceu na goleada por 6 a 2 sobre o Águia Negra-MS, pela segunda fase da Copa do Brasil.

Max foi um dos jogadores anunciados pela Locomotiva no início da temporada com passagem do São Caetano, ex-clube no qual Saul Klein investia e hoje é o principal acionista da MS Sports, gestora do clube araraquarense.

O primeiro desafio da Ferroviária em 2021 será a disputa do Paulistão, que tem início previsto para o dia 28 de fevereiro. A equipe está no Grupo B, com São Paulo, Ponte Preta e São Bento.