Início Ferroviária

Coronavírus: atletas da Ferroviária contam sobre a rotina de treinamentos durante quarentena

Zagueira Luana e o volante Higor Meritão conversaram com exclusividade ao portal RCIARARAQUARA, falando sobre a rotina adotada nos treinamentos durante a quarentena e da preocupação com a pandemia do vírus no Brasil

42
Crédito: Montagem / Jonatan Dutra/Ferroviária S/A

Em meio a paralisação do futebol brasileiro por conta do Coronavírus (COVID-19), os atletas da Ferroviária buscam manter a forma física em meio a quarentena que está no país.

Refugiados em seus lares, a zagueira Luana e o volante Higor Meritão contaram um pouco de suas experiência durante esta pausa para a RCIARARAQUARA.

Líder do Brasileirão Feminino, a jogadora das Guerreiras Grenás falou sobre o aspecto físico e o quanto tem sido diferente a sua rotina de treinamentos nos últimos dias, em sua casa, onde também mora a volante Maglia.

“Influência muito. Estávamos vindo de uma crescente na nossa parte física e interrompemos este ciclo. A gente tenta improvisar as coisas em casa e manter [a forma física], mas não é a mesma demanda que teríamos no clube, com bola e parte tática, mas estamos tentando minimizar essa perda para quando voltarmos”, conta.

Já o jogador afeano falou de sua improvisação no apartamento em que mora e conta que até as escadarias do prédio tem ajudado na preparação física.

“O jeito tem sido improvisar. Às vezes, nos treinos aeróbicos, utilizo muito as escadas do prédio e vou fazendo da maneira que dá para não ficar parado. A rotina do dia a dia faz uma falta muito grande. O que pode nos prejudicar é o ritmo de jogo, principalmente para os que vinham jogando”, lembra Meritão.

Apesar da quarentena, os atletas viram como positiva a paralisação dos campeonatos para que não influenciassem em possíveis contágios por parte do esporte.

“A paralisação dos campeonatos foram muito importantes, mas é claro que é ruim parar no meio de um campeonato. Acima de qualquer coisa, inclusive do futebol, é pensar na nossa saúde e na dos outros. O futebol atrai muitas pessoas e isso aumentaria ainda mais a chance de contagio. Estamos fazendo a nossa parte em prol da sociedade que é o mais importante neste momento”, contou Luana.

“CBF e Federação Paulista de Futebol tomaram as decisões corretas para que este vírus não se propagasse e não contagiasse mais pessoas. Se o campeonato continuasse, os riscos seriam maiores. As outras que estão por vir, tomara que aconteçam, tanto o Brasileiro, quanto a continuação da Copa do Brasil. Estamos orando para que o Paulistão dê início novamente. Não sabemos o dia do retorno ou se haverá retorno, mas estamos otimistas sempre pesando no melhor”, disse o jogador.

CONSCIENTIZAÇÃO

Por tudo o que tem acontecido no Brasil e no mundo, o momento também tem sido de reflexão. Meritão aproveita o tempo com a família e sua religião para que palavras possam trazer mais conforto neste momento em que a sociedade vive.

“Estou aproveitando ao máximo esse tempo com a minha filha e esposa, e espero que dê tudo certo. Aproveito também para ter tempo com Deus, orar, meditar mais na sua palavra e buscá-lo mais. Então, queria deixar este recado, que possamos buscar mais o Senhor, acreditar mais em sua palavra. Sei que são tempos difíceis, e a palavra de Deus diz que Ele é o nosso refúgio”, declarou.

“A gente espera voltar o mais rápido possível e poder fazer aquilo que a gente mais gosta. Não é só o futebol que está parado, mas o mundo, principalmente o Brasil agora neste momento de quarentena, é algo que pode prejudicar a nossa economia. Estou com o pensamento otimista e com muita fé em Deus”, complementou.

Longe dos gramados, os atletas também falaram sobre a saudade de estarem na Fonte Luminosa e aproveitaram para deixar um recado para a torcida da Ferroviária e à população de Araraquara.

“O recado para os torcedores e a população é que fiquem em casa, se cuidem, tomem todos os cuidados para evitar o contagio que a gente tá fazendo a nossa parte, fazendo as mesmas coisas em casa. Estamos nos cuidando também, fazendo a parte dos treinamentos para que possamos voltar mais fortes nos campeonatos. A gente tá com muita saudade de jogar e esperamos que isso passe logo para voltar a rotina normal para ver todos os torcedores no estádio, apoiando a gente e que sempre foi muito importante. É um jogador a mais e estamos com saudades disso”, disse Luana.

“Que a gente possa voltar atuar em nossa casa, a jogar logo e que estejam otimistas com o retorno da equipe aos gramados. E também para que todos possam se prevenir, ser prudente ao máximo possível, para que nenhum mal possa acontecer a nossa família e ao próximo que está conosco. Lavem sempre as mãos!”, contou Meritão