Início Destaques

Ferroviária vence Palmeiras na estreia no Paulista Feminino

Com golaço de Aline Milene, Guerreiras Grenás batem as Palestrinas na tarde desta segunda-feira, na Fonte Luminosa

48
Crédito: Tiago Pavini / Ferroviária S/A

A Ferroviária estreou com vitória no Paulistão Feminino. Jogando na tarde desta segunda-feira, a equipe recebeu o Palmeiras na Fonte Luminosa e venceu por 2 a 1.

Aline Milene e Patrícia Sochor marcaram os gols das Guerreiras Grenás, enquanto Thaís descontou para as Palestrinas.

O resultado deixa a Locomotiva dividindo a liderança do Grupo 1 ao lado do São Paulo, porém a equipe da capital leva vantagem no saldo de gols.

Na próxima rodada, a Ferroviária fará confronto inédito diante do Red Bull Bragantino, quinta-feira (22), às 15h, em Jarinu. Já o Palmeiras recebe o Realidade no mesmo dia e horário, no Nelo Bracalante, em Vinhedo.

O JOGO

Logo aos cinco minutos, a Ferroviária quase abriu o placar. Chu faz bela jogada dentro da área, dribla a marcada e finaliza, mas para em grande defesa de Karen com a perna direita, evitando o gol.

Nove minutos e mais Guerreiras no ataque. Daiane avançou pelo meio e deu bom passe para Rafa Mineira, que da entrada da área, finalizou mal e a bola se perdeu pela linha de fundo.

Com amplo domínio, a equipe da casa foi chegando cada vez mais no ataque. Aos 12 minutos, Rafa Mineira dá belo passe para Sochor, que ganha da marcação e finaliza, mas a bola sai fraca para defesa tranquila de Karen.

A partir dos 16 minutos, as Palestrinas começaram a sair mais para o ataque. Bianca aproveitou o espaço deixado pelo lado esquerdo, invadiu a área e bateu cruzado. Luciana fez boa defesa, evitando o gol alviverde.

Porém, aos 29 minutos, as Guerreiras abriram o placar. Em cruzamento de Barrinha na área, a zaga palestrina afastou mal e a sobra ficou com Aline Milene, que dominou e bateu de esquerda. A bola morreu no ângulo, sem chances de defesa para Karen. Golaço na Fonte: 1 a 0.

Dois minutos depois, a Locomotiva quase ampliou. Barrinha recebe lançamento na área, bateu na saída de Karen, mas a goleira conseguiu fazer a defesa, evitando o pior para a equipe visitante.

Porém, aos 41, no último lance da primeira etapa, o Palmeiras chegou ao empate. Em cobrança de falta na área, Thaís aproveitou cochilo da zaga e, livre de marcação, cabeceou livre para deixar tudo igual: 1 a 1.

No segundo tempo, a Ferroviária chegou com perigo em cobrança de fata aos quatro minutos. Após bate rebate, a bola ficou com Carol Tavares, que soltou uma bomba de fora da área, mas Karen estava bem no lance para fazer a defesa.

Aos seis minutos, o Palmeiras teve gol anulado. Bianca recebeu livre na área, mas a assistente um, Marcela de Almeida Silva, marcou impedimento.

Três minutos depois, a Ferroviária fez o seu segundo gol. Aline Milene dá belo passe para Barrinha, que cruza na medida para artilheira Patrícia Sochor cabecear e deixar as Guerreiras novamente em vantagem: 2 a 1.

Depois de construir novamente a vantagem, as Guerreiras ficaram mais no campo defensivo, enquanto as Palestrinas tentavam chegar até a meta da goleira Luciana, sem grande êxito.

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA 2×1 PALMEIRAS
Data/horário: segunda-feira, 19 de outubro de 2020, às 17h
Local: estádio Fonte Luminosa, em Araraquara
Arbitragem: Jeferson Silvestrini, auxiliado por Marcela de Almeida Silva e Alexandre Nascimento da Silva
Cartões amarelos: Luana, Daiane, Rafa Andrade e Aline Milene (Ferroviária); Maressa, Rosana, Augustina e Isabella (Palmeiras)
Gols: Aline Milene (aos 29′ do 1T) e Sochor (aos 9′ do 2T) para a Ferroviária; Thaís (aos 41′ do 1T) para o Palmeiras

Ferroviária – Luciana; Carol Tavares, Géssica, Luana e Barrinha; Daiane (Amanda), Rafa Andrade e Rafa Mineira; Aline Milene (Ludmila), Sochor e Chu. Técnica: Tatiele Silveira

Palmeiras – Karen; Isabella, Agustinha, Thais e Camilinha; Nicoly, Maressa (Ottilia), Angelina e Ary (Vitória); Rosana (Karla Alves) e Bianca. Técnico: Ricardo Belli