Home Destaques

Morre Aparecido, goleiro da Ferroviária nos anos 60

Ex-jogador também passou pelo Bangu, Botafogo de Ribeirão Preto, Portuguesa Santista e Palmeiras

515
Crédito: Montagem/Divulgação

Morreu nesta terça-feira, aos 88 anos, Aparecido Eleotério da Silva, o Aparecido, ex-jogador da Ferroviária no início dos anos 60. Ele residia em Ribeirão Preto e a morte foi por causas naturais.

Também conhecido como “Peixinho”, Aparecido nasceu no dia 21 de março de 1934, em Miguelópolis, São Paulo, onde iniciou a carreira futebolística em 1952.

Dois anos depois, com 20 anos, defendeu as cores do Botafogo de Ribeirão Preto. Logo depois, defendeu o Bangu em 1956 e, no ano seguinte, a Portuguesa Santista. Em 1959, defendeu o Palmeiras, atuando por apenas quatro jogos.

Já em 1961, desembarcou em Araraquara para defender a Ferroviária, onde ficou por cinco temporadas. Neste período, revezava na meta com Toninho Mochila. Ele encerrou a carreira no futebol defendendo o time grená em 1966.

No mesmo ano, tornou-se treinador, trabalhando, ao longa da carreira, nas equipes Santacruzense, Guarani, Londrina e Bandeirantes-PR.

Em 1970, se formou em Educação Física e passou a dar aulas. Cinco anos depois, fundou a “Academia de Educação Física Peixinho”, se aposentando em 2006.

Time da Ferroviária nos anos 60 – Em pé: Antoninho, Galhardo, Dudu, Geraldo Scalera, Aparecido e Rodrigues. Agachados: Peixinho, Davi, Tales, Bazani e Beni.

Com informações do blog Ferroviária em Campo e Terceiro Tempo