Início Destaques

No fim, Ferroviária é derrotada pelo São Paulo no Paulistão Feminino

Guerreiras Grenás desperdiçam penalidade, buscam empate, mas são castigadas no último lance do jogo; equipe enfrentará o Corinthians nas semifinais

24
Crédito: Jonatan Dutra / Ferroviária S/A

Na tarde desta quarta-feira, a Ferroviária voltou a campo para encarar o São Paulo e acabou sendo derrotada por 2 a 1, no CT Marcelo Portugal Gouvêa, em Cotia, pela última rodada do Paulistão Feminino.

As Soberanas abriram o placar no primeiro tempo Cris, mas já na segunda etapa, Raissa deixou tudo igual para as Guerreiras Grenás. Porém, no último minuto de jogo, Carol colocou a equipe da casa na frente, sacramentando o placar final.

Ainda no início do segundo tempo, a Ferrinha desperdiçou uma grande oportunidade de deixar tudo igual, mas Ludmila acabou desperdiçando penalidade, defendida pela goleira Carla.

Com o resultado, a Ferroviária encerrou a fase de classificação na quarta colocação com 24 pontos. Nas semifinais, o time araraquarense enfrentará o Corinthians, primeiro colocado da classificação geral.

O primeiro duelo acontecerá na Fonte Luminosa, em Araraquara, enquanto o jogo de volta será realizado em São Paulo, com datas e horários a serem definidos pela FPF.

Na outra semifinal, o São Paulo, segundo colocado, enfrentará o Santos, que venceu o Realidade Jovem e terminou na terceira colocação

O JOGO

A equipe da casa começou pressionando a saída de bola da Ferrinha e começou a criar muitas dificuldades na construção das jogadas.

Com o passar do tempo, o time grená conseguiu equilibrar as ações e começou a ter mais a posse de bola, frequentando o campo de ataque.

Porém, as Soberanas abriram o placar aos 22 minutos. Luana erra na saída de bola, Duda recupera e dá belo passe para a chegada de Cris, que entra na área e bate no canto esquerdo de Luciana: 1 a 0.

Logo na saída de bola, as Guerreiras quase chegaram ao empate. Do meio de campo, Rafa Mineira vê a goleira Carla adiantada e chuta, a bola caprichosamente acerta a trave e por pouco não marca um golaço em Cotia.

No lance seguinte, mais uma chance foi desperdiçada. Em saída errada, Ludmila recupera a posse e finaliza, mas a bola passa a esquerda do gol de Carla, que apenas acompanhou.

Já na segunda etapa, a Ferrinha desperdiçou uma grande oportunidade de deixar o placar tudo igual. Logo no primeiro minuto, Laryh é derrubada dentro da área e arbitragem marca penalidade. Na cobrança, Ludmila cobra a meia altura no canto direito, mas Carla faz a defesa.

Mais uma chance desperdiçada pelo lado grená aos 12 minutos. Em bela enfiada de bola de Rafa Mineira, Laryh aparece por de trás da zaga, entra na área e finaliza, mas Carla faz grande defesa, evitando o empate grená.

A Ferroviária começou a dominar mais o jogo, mas pecava no último passe e não levava mais perigo até a meta são-paulina.

O time da casa voltou a aparecer no ataque aos 30 minutos e por pouco não ampliou. Larissa recebe na entrada da área e bate rasteiro. Luciana espalma e em seguida a bola toca na trave.

Dois minutos depois, de tanto insistir, a Ferrinha conseguiu chegar ao empate. Monalisa arrisca chute de fora da área, a bola explode no travessão e no rebote, Raissa cabeceia para o fundo das redes: 1 a 1.

Em busca da vitória, a Ferroviária foi superior na parte final do jogo, mas no último lance, viu as Soberanas ficarem a frente do placar. Aos 49, Giovana cruzou da direita e Carol aparece livre para cabecear no canto direito de Luciana, que nada pôde fazer: 2 a 1.

FICHA TÉCNICA

CAMPEONATO PAULISTA FEMININO 2021 – 11ª RODADA

SÃO PAULO 2×1 FERROVIÁRIA
Data/horário: quarta-feira, 13 de outubro de 2021, às 15h
Local: CT Marcelo Portugal Gouvêa, em Cotia
Arbitragem: Humberto José Júnior, auxiliado por Patrick André Bardauil e Marco Antônio de Andrade Motta Júnior; 4º árbitro: Michel de Camargo
Gols: Cris (aos 22′ do 1T) e Carol (aos 49′ do 2T) para o São Paulo; Raissa (aos 32′ do 2T) para a Ferroviária

São Paulo – Carla; Alves, Lauren (Thais Regina), Gislaine e Clara; Maressa (Giovaninha), Cris, Duda (Giovana) e Micaelly (Carol); Naná (Jaqueline) e Gláucia (Larissa). Técnico: Lucas Piccinato

Ferroviária – Luciana; Carol Tavares, Géssica, Ana Alice (Yasmin) e Barrinha; Luana (Daiane), Suzane (Sâmia) e Rafa Mineira (Duda); Laryh, Ludmila (Raissa) e Raquel (Monalisa). Técnica: Roberta Batista