Home Ferroviária

Pouco treino e muita conversa: Jéssica de Lima fala sobre a vitória e classificação da Ferroviária

Com poucos dias de recuperação de um jogo para o outro, treinadora das Guerreiras Grenás conseguiu fazer ajustes para que a equipe tivesse outro comportamento diante das uruguaias

52
Crédito: Tiago Pavini/Ferroviária SAF

A Ferroviária se garantiu pela quinta vez em seis participações na Libertadores Feminina a vaga às quartas de final.

Na noite deste domingo, venceu o Defensor Sporting-URU e sacramentou a sua classificação no Grupo B da competição, ao lado do Boca Juniors, que derrotou o Club Ñañas-EQU.

Logo após a vitória grená sobre as uruguaias, a treinadora Jéssica de Lima falou sobre o que a equipe conseguiu evoluir da estreia para este segundo jogo.

Diferente do que foi contra o Ñañas, as Guerreiras Grenás se mostraram seguras e controlaram todo o jogo, pecando apenas nas finalizações, enquanto o sistema defensivo conseguiu anular as investidas do adversário.

Com poucos dias de um jogo para o outro, a treinadora destacou que a conversa foi fundamental para que o time conseguisse obter o resultado positivo na noite de domingo.

“A gente não trabalhou tanto no campo como gostaríamos porque já tinha que recuperar as meninas, mas vídeos e análises sobre a questão da nossa compactação. Acredito que no segundo tempo contra o Ñañas, a nossa compactação deixou de existir por alguns momentos e começamos a não preencher os espaços e aí sofremos um pouquinho mais”, declarou.

Sem dar espaços, as Violetas não ofereceram riscos até a meta da goleira Luciana, que teve um primeiro chute defendido depois dos 30 minutos do segundo tempo. O retorno de Suzane ao meio de campo também foi benéfico para a boa atuação grená.

“No jogo de hoje, tentamos trabalhar com o bloco mais próximo com uma compactação melhor para que não sofrêssemos muito. Conversamos muito sobre isso antes de vir para cá e elas entenderam muito bem, conseguindo ser mais eficientes. Estes dois comportamentos, fizeram com que a gente fosse mais seguras defensivamente”, finalizou Jéssica.

Agora, a Ferrinha cumpre tabela diante do Boca Juniors apenas para definição das posições dentro do Grupo B. A partida acontece nesta quarta-feira (19), às 17h (de Brasília), no estádio Gonzallo Pozo Ripalda, em Quito.