Início Polícia

Polícia salva duas mulheres do Tribunal do Crime em Araraquara

Vítimas estariam sendo coagidas a não depor contra um criminoso preso

52
Ação da Polícia Militar foi bastante rápida

No último sábado (29), duas mulheres de 35 e 46 anos, foram levadas até uma casa no bairro Vila Nossa Senhora Aparecida em Araraquara. O motivo era para participarem de um tribunal do crime, pois seriam obrigadas a aceitarem as exigências do crime e não depor contra um homem preso por homicídio.

Através de uma denúncia anônima uma viatura foi deslocada para o local do fato. Um homem que estava na frente da residência, ao ver a viatura entrou correndo para o interior da casa, gritando “sujô, sujô”, pulou o muro do fundo e desapareceu.

Os policiais ao adentrarem na residência, se depararam com as duas vítimas na companhia de um homem, de 40 anos e com ele os policiais encontraram 48 pinos de cocaína, dinheiro e mais de 1.000 pinos vazios.

Os policiais encontraram também uma carta, que foi enviada de dentro de um presídio, ordenando que as testemunhas fossem coagidas a não depor.

O caso foi levado para a delegacia de plantão, sendo registrado o boletim de ocorrência de tráfico de drogas.

As vítimas foram liberadas, o homem suspeito ficou à disposição da justiça e a carta foi apreendida para o trabalho da perícia.