Início Destaques

De olho na saúde dos olhos e na saúde da família! Da Política Grande às demandas do Universal

Confira fatos políticos que estiveram na pauta dos vereadores de Araraquara nos últimos dias

43

De olho no serviço de oftalmologia 

Em visita ao Cresep – Hospital de Olhos em maio para tratar da solicitação de emenda parlamentar ao Deputado Federal Vanderlei Macris (PSDB), o vereador tucano Rafael de Angeli ficou sabendo do caso de um paciente vindo de São Carlos que afirmou ter pago cerca de R$ 1 mil em consulta e exames dentro do SUS da Santa Casa da cidade vizinha, o que é irregular. Depois dos pagamentos, o paciente foi encaminhado para Araraquara, que atende pelo SUS. Angeli encaminhou requerimento à Diretoria Regional de Saúde – DRS III, responsável pela rede de serviços de saúde pública da região central do estado, incluindo Araraquara e São Carlos, pedindo informações sobre o ocorrido.

De olho no serviço de oftalmologia 2

A Diretoria Técnica da DRS III, órgão da Secretaria de Estado da Saúde, cujo diretor é o farmacêutico e ex-vereador Jéferson Yashuda, que não ocupava o cargo na ocasião da ocorrência, respondeu que não há ciência nem autorização para que seja admitido o pagamento de consulta e exame dentro de serviço público do SUS. A diretoria assegura que o paciente não foi encaminhado pela DRS e sim pelo Complexo Regulador da cidade de São Carlos, com a alegação de que se tratava de urgência não compatível com a capacidade da Santa Casa de São Carlos. Sobre a possibilidade de cobrança dentro de serviço público de saúde, “ão há anuência dessa diretoria para tal prática. O gestor de São Carlos se comprometeu a adotar providências cabíveis. A Diretoria da Santa Casa de São Carlos informou que a equipe responsável pelo serviço de oftalmologia foi substituída e nova equipe assumiu a atividade.

Déficit de servidores nas Unidades de Saúde da Família

O vereador João Clemente (PSDB) encaminhou requerimento à Prefeitura solicitando informações sobre a quantidade de profissionais de saúde alocados nos diversos dispositivos do município. “As equipes de Saúde da Família possuem formatação multidisciplinar, que se fazem ainda mais necessárias em tempos pandêmicos, visto que, como porta de entrada do SUS, podem fazer a triagem e promover saúde e profilaxias, proporcionando, assim, um não agravamento das demais esferas de atendimento”, argumentou o parlamentar. A coordenadora executiva da Atenção Básica da Secretaria Municipal da Saúde, Talitha Martins, informou que Araraquara possui 24 Unidades de Saúde da Família (USFs) e que, no momento, elas estão com déficit de servidores, devido ao afastamento de profissionais que têm comorbidades e que estão no grupo de risco para a Covid-19. Atualmente, as unidades de Saúde da Família contam com um quadro de servidores que soma 366 profissionais, distribuídos nas 24 equipes.

João Farias e Boi na “política grande”

 O presidente da Câmara Aluisio Boi (MDB) recebeu na sexta-feira (16) o dirigente estadual do Republicanos, João Farias, que hoje também ocupa o cargo de secretário executivo da Secretaria Municipal das Subprefeituras, da Prefeitura da capital paulista. Farias tem fortes ligações com Araraquara. Exerceu o cargo de vereador por duas Legislaturas, ocupando a presidência do Legislativo no biênio 2013/2014. “Além de um grande amigo, pois trabalhamos juntos e sempre nos demos muito bem, o João é um profundo conhecedor da política e também se colocou à disposição para colaborar com Araraquara no que estiver ao seu alcance, tanto como dirigente do Republicanos quanto como secretário em São Paulo. É importante continuarmos trabalhando assim, fazendo aquilo que chamamos de política grande em prol da cidade”, destacou Boi.

Demandas do Jardim Universal

Boi também vem recebendo representantes de bairros que apresentam as demandas da população e solicitam que sejam encaminhadas através de seu gabinete. Cristiano Faustino da Silva, representante da Associação de Moradores do Jardim Universal, apresentou algumas reivindicações dos moradores daquela região. Segundo ele, o Jardim Universal precisa da instalação de redutores de velocidade em algumas vias, necessidades pontuais do Posto de Saúde do Jardim Laranjeiras II e a implantação de um CRAS para atender toda aquela região, que tem grande densidade demográfica. Eles pedem também zeladoria e serviços como tapa-buraco e manutenção das ruas, além de outros pedidos.

A coluna ZumZumZum é publicada às terças e quintas-feiras no Portal RCIA