Início Política

Troca de hidrômetros no Altos de Pinheiros é alvo de questionamento

Após pedido de esclarecimento do vereador Rafael de Angeli, autarquia encaminhou documentação referente a procedimento

64

Em resposta ao Requerimento nº 469/2020, de autoria do vereador Rafael de Angeli (PSDB), que questiona aumento nas contas de água dos moradores do bairro Altos de Pinheiros, após troca de hidrômetro, a Prefeitura encaminhou, na quinta-feira (28), cópia do Ofício nº 97/2020, expedido pelo superintendente do Departamento Autônomo de Água e Esgotos (Daae), Donizete Simioni.

No documento, o responsável informa que a autarquia segue a política de troca periódica de hidrômetros da Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento Básico das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí. A agência prevê que a substituição do hidrômetro, decorrente do desgaste normal de seus mecanismos, será executada pelo prestador de serviços, sempre que necessário, sem ônus pelo usuário”.

Quanto ao questionamento sobre o apurado em cinco residências mencionadas no requerimento, o Daae alega que todos os hidrômetros foram vistoriados e o relatório fotográfico foi anexado no documento. Foi também inserido todo o material técnico desenvolvido exclusivamente para a análise da região Alto de Pinheiros.

Em relação às medidas adotadas durante a pandemia, Simioni esclarece que compreende o impacto financeiro e social da crise sanitária e que, por isso, o parcelamento das contas pode ser feito em até 60 vezes, além da disponibilização da tarifa social para os casos em que a assistente social confirmar necessidade.

Quem precisar entrar em contato com o Daae deve ligar nos telefones 3324-9507, 3324-9510 e/ou 3324-9580, de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30.

Para Angeli, a falta de planejamento para a troca dos hidrômetros acarreta danos aos munícipes. Esse aumento no consumo teria que, de alguma forma, ser diluído nos meses seguintes à troca, no mínimo, já que os valores têm uma diferença enorme”.