Início Destaques

Para prefeito, solidariedade humana é essencial no enfrentamento ao Corona

A Rede de Solidariedade, com o 0800 773 1145, está recebendo ligações de quem quer ajudar ou está precisando de ajuda ou quer fazer doações de alimentos e itens de limpeza

39
Prefeito Edinho Silva

Para responder às necessidades da população idosa, doentes crônicos e pessoas em situação de vulnerabilidade social durante a pandemia de Coronavírus (Covid-19), a Prefeitura deu início, nesta quarta-feira (25), à campanha Rede de Solidariedade do Município, com o slogan “Solidariedade contagia mais que o vírus”.

Assim, começa a ser criada uma rede de apoio, reunindo e interligando as pessoas que quiserem ajudar ou que estiverem precisando de ajuda ou as que quiserem fazer trabalhos voluntários ou doações de alimentos e itens de limpeza.

Para isso, elas devem ligar para o telefone 0800 773 1145, das 8 às 18 horas, todos os dias, inclusive aos sábados, domingos e feriados, para se cadastrar. As equipes da Prefeitura Municipal farão os cruzamentos de dados destas pessoas e os encaminhamentos necessários.

De acordo com o prefeito Edinho, o objetivo é garantir que os idosos e aqueles que mais precisam permaneçam bem e em segurança dentro de casa.

“Sabemos que os idosos e os portadores de doenças crônicas são mais sensíveis ao Coronavírus. Por isso, estamos formando essa rede de apoio para que eles não saiam de casa e não precisem ir ao supermercado, à farmácia, diminuindo o risco do contágio. Mas precisamos também levar em conta que, com o agravamento da crise econômica, nós não podemos deixar que a fome, que já assola uma parte das famílias de Araraquara, que são vítimas do desemprego, se agrave ainda mais. A fome não pode chegar de forma dura e humilhante à mesa das famílias que já passam dificuldades, à mesa das nossas crianças”, enfatiza. “Neste momento, a solidariedade humana é a nossa maior arma para que, juntos, possamos enfrentar o Coronavírus. Espero que a solidariedade contagie mais que o vírus”, conclui o prefeito Edinho.