Início Agronegócio

Embrapa oferece curso para cultivo de plantas alimentícias em casa

Na capacitação será possível aprender sobre as suas importâncias nutricionais e como plantá-las e iniciar uma horta

83

Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), através do setor Embrapa Hortaliças oferece uma capacitação para interessados no cultivo de Plantas Alimentícias Não Convencionais (Panc) em pequenos espaços e aprender sobre o seu cultivo em quintais, varandas e pequenos estabelecimentos rurais.

Essas plantas rústicas apresentam qualidades nutricionais que representam um importante papel para a segurança alimentar das famílias, que terão à sua disposição alimentos que fornecem os nutrientes necessários para uma dieta saudável e diversificada.

Mais de 300 espécies são catalogadas como PANC, sendo que 50 dessas plantas estão sendo objeto de ações de recuperação e multiplicação na Embrapa Hortaliças. O curso contempla as espécies mais conhecidas como: almeirão-de-árvore, amaranto, azedinha, beldroega, bertalha, capuchinha, cará-do-ar, caruru, chaya, chuchu-de-vento, dente-de-leão, fisális, jambu, major-gomes, mangarito, moringa, muricato.

De acordo com o pesquisador Nuno Madeira, que desde 2006 coordena os trabalhos com essas plantas, acredita que além do debate a respeito da segurança alimentar, a produção e consumo destas hortaliças é uma forma de resgate histórico-cultural dos tempos em que o Brasil era majoritariamente rural.

“Em contato com a equipe de TT, ela apontou o potencial das espécies, não apenas como fonte de nutrientes e de segurança alimentar, mas também pela possibilidade de serem cultivadas em quintais, jardins e vasos, com baixo custo e pouco esforço de manutenção”, destaca Carvalho

Objetivos

No curso, o participante vai conhecer formas de começar uma horta PANC, como a preparação de compostagem e vermicompostagem, o uso de adubação verde, quais recipientes e solos mais adequados. Além de planejar a produção de acordo com o espaço disponível, escolher as hortaliças PANC mais apropriadas e onde encontrar sementes e mudas para iniciar sua horta. Na capacitação também estão inclusos vídeos, leituras complementares e uma avaliação de aprendizagem.

O curso tem uma carga horária total de 12 horas e as inscrições já estão abertas. Foram disponibilizadas 10 mil vagas para a primeira turma, que podem ser ampliadas a depender do público interessado. As vagas são limitadas e a capacitação ainda não possui data de início. Você pode se inscrever clicando aqui.