Home Agronegócio

Poder público, indústria e consumidores debatem dia 16 padrões para o café torrado

Evento em São Paulo antecipa discussão que será tema de audiência pública prevista ainda para este mês

70
O evento será híbrido e poderá ser acompanhado presencialmente, por um número limitado de participantes, ou no formato on-line

No dia 16 de fevereiro, quarta-feira, das 8h45 às 17h, acontece na sede da Fiesp, em São Paulo, o 1º Seminário de padrões de classificação do café torrado. O objetivo do evento é reunir a cadeia produtiva, poder público e representantes de consumidores para debater o padrão oficial de qualidade para um dos produtos brasileiros mais consumidos no país e no exterior.

 

De acordo com Hugo Caruso, coordenador geral de Qualidade Vegetal do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Vegetal (Dipov), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), os padrões foram propostos pela Portaria nº 364, de 16 de julho de 2021. Uma audiência pública prevista para este mês vai debater seus impactos, benefícios e as oportunidades para o setor. O evento do dia 16 busca antecipar esse debate, esclarecer dúvidas e organizar informações que serão compartilhadas na audiência.

 

Promovido pelo Mapa, o seminário tem o apoio da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), CNI (Confederação Nacional da Indústria), Abic (Associação Brasileira da Indústria do Café), CNC (Conselho Nacional do Café) e Sindicato da Indústria de Café do Estado de São Paulo. Em função das restrições impostas pela pandemia, o evento será híbrido e poderá ser acompanhado presencialmente, por um número limitado de participantes, ou no formato on-line.

 

As inscrições para participação remota podem ser feitas neste link. Quem preferir assistir ao evento na sede da Fiesp, deve se inscrever neste outro link.

 

Confira a programação:

 

08:45 – 09:00 Abertura

09:00 – 09:30 Aspectos gerais da proposta do padrão oficial de classificação (POC) do café torrado – DIPOV/MAPA

09:30 – 09:50 Visão do setor agrícola sobre o estabelecimento do Padrão Oficial de Classificação (POC) do café (CNA)

09:50 – 10:10 Visão dos cafeicultores e cooperativas de café do Brasil – (CNC)

10:10 – 10:30 Defesa do consumidor – Visão do Ministério Público sobre o POC do café. (MP)

10:30 – 10:50 Visão da indústria (ABIC)

10:50 –11:00 Organização dos painéis

Painéis de debates: Cada painel tem 15 minutos de apresentação para introdução do tema por representantes da indústria, seguidos de 45 minutos de debates com os presentes.

11:00 – 12:00 Painel 1: Análises laboratoriais obrigatórias

Intervalo para almoço

Painéis de debates

13:30 – 14:30 Painel 2: Classificadores e procedimentos operacionais

14:30 – 15:30 Painel 3: Análises complementares e fiscalização

15:30 – 16:30 Painel 4: Rotulagem

16:30 –16:45 Encaminhamentos e encerramento