Início Cidade

Aprovada antecipação do feriado de 9 de Julho e Araraquara segue

Diferentemente do que ocorreu nos feriados municipais antecipados, todas as cidades vão aderir por ser uma data estadual

172
Feriado foi aprovado nesta quinta-feira à noite pela Assembleia Legislativa em homenagem à Revolução de 1932

A antecipação do Feriado de “9 de Julho” (Revolução Constitucionalista de 1932) para segunda-feira, 25 de maio, foi aprovada pelos deputados da Alesp – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo na noite desta quinta-feira, 20 de maio.

A votação ocorreu de forma virtual e foi apreciado pelas seguintes comissões: CCJR – Comissão de Constituição, Justiça e Redação; CEC – Comissão de Educação e Cultura; CFOP – Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento.

O projeto de lei foi apresentado pelo governador João Doria como uma forma de ampliar o isolamento social, única maneira de restringir o avanço do novo coronavírus, já que não há vacinas e nem remédios comprovados contra a Covid-19.

O pedido foi encaminhado para a Alesp na segunda-feira, 18.

Com a aprovação cidades como São Paulo, Francisco Morato, Caieiras, Franco da Rocha e algumas do ABC Paulista, na região metropolitana, vão ter seis dias de diminuição das atividades, com feriados seguidos (quarta, quinta e sexta-feira), dois dias do final de semana e agora no dia 25, o feriado da Revolução.

Se aproximando de completar dois meses, o isolamento no Estado tem se mantido em torno de 50%, somente em dias de final de semana e feriados. O Governo coloca como meta, o índice de 55% para ser possível achatar a curva de contágio e não causar colapso no sistema de saúde, que pode ocorrer a qualquer momento.

Por ser um feriado estadual, todas as 645 cidades de São Paulo devem seguir a determinação, diferentemente do que ocorreu nesta semana, quando a capital antecipou os feriados de Corpus Christi (11 de junho) e do Dia da Consciência Negra (20 de novembro) para quarta-feira e quinta-feira, com ponto facultativo para sexta-feira. Poucas cidades seguiram a capital paulista.