Início Cidade

“É grande o número de idosos circulando pela cidade”, diz Comitê

Mesmo sem passe livre, eles não param em casa

61

O Comitê de Contingência do Coronavírus Araraquara, instituído por decreto municipal, se reuniu nesta quinta-feira, dia 30 de julho, para novas deliberações sobre as medidas de combate à transmissão da Covid-19.

O Comitê mantém a avaliação rigorosa da evolução da doença na cidade, com monitoramento diário do número de casos, da capacidade de leitos hospitalares e da taxa de letalidade no município.

Esses indicadores estão orientando as decisões do Comitê e a elaboração do texto do decreto municipal que será publicado no início da próxima semana nos Atos Oficiais, para regulamentar as novas regras estabelecidas pelo Plano São Paulo, que na sua última atualização reclassificou o DRS de Araraquara na fase amarela.

O Comitê está atento e reforça que, independentemente da classificação do DRS no Plano São Paulo e das novas regras e flexibilizações decorrentes da fase amarela, o grupo de risco da Covid-19 deve permanecer em isolamento social. É grande o número de idosos que estão circulando pela cidade, fato que preocupa demais as autoridades de saúde.

Existe uma pressão para que o passe do idoso volte a circular, mas segundo a Secretária de Saúde Eliana Honain, isto não vai acontecer por agora.

Da mesma forma, é fundamental o uso de máscaras, a higienização frequente das mãos e o cuidado com o distanciamento de pelo menos 1,5 m, por quem precisa sair para trabalhar.

O setor econômico também deve continuar fazendo sua parte, cumprindo rigorosamente os protocolos sanitários apresentados pelo Comitê.

O vírus está circulando na cidade de forma preocupante e, mesmo com toda a estrutura montada na Saúde para atendimento médico, somente com a conscientização e participação de todos nos cuidados pessoais e coletivos, será possível conter a transmissão.