Início Cidade

Santa Casa lança o Hospital do Câncer de Araraquara

Com apoio da sociedade a entidade pretende também ser referência em estrutura, tratamento e qualidade de atendimento para o câncer na cidade e região

1717
Nova recepção construída em parceria com a Lupo

Sensível ao crescimento do câncer no país e na região de Araraquara, a Santa Casa que já é hospital referência, atendendo a 23 cidades, está terminando suas obras para a estruturação do Hospital do Câncer.

O Portal RCIA conversou nesta quinta-feira (9), com o Diretor Geral da entidade Rogério Bartkevicius, que explicou que a nova recepção localizada na esquina da Avenida José Bonifácio com a Rua Carlos Gomes (6), faz parte da nova adequação, para que um canteiro de obras comece a se formar na rua 6.

A área nova que está sendo construída trata-se do Hospital do Câncer de Araraquara, e ali a nova ala de radioterapia, que integra a área de oncologia da Santa Casa, e para antecipar a logística, foi construída uma nova recepção para que os pacientes possam aguardar os serviços de quimioterapia e radioterapia.

A Santa Casa pretende se tornar também uma referência forte no combate ao câncer na região

A nova construção do espaço foi doada pela Lupo, que investiu cerca de R$ 2,5 milhões, pois entende a necessidade do hospital para o tratamento do câncer, um novo equipamento para radioterapia veio em parceria com do Ministério da Saúde. “Temos um equipamento que está em funcionamento, mas é antigo, o novo deve chegar em nove meses, pois se trata de um  equipamento importado e enquanto ele não chega, nosso objetivo é fazer a estruturação física e estruturação dos fluxos dos processos e a qualificação da equipe. Embora já sejamos referência, queremos nos tornar também uma referência forte no combate ao câncer na região”, ressaltou Rogério.

O diretor ressalta ainda que o equipamento que será enviado pelo Ministério da Saúde se trata de um Acelerador Linear Radioterápico Clinac CX, da marca Varian, e que chega de forma básica e será necessário fazer um UpGrade, para que ele seja de maior assertividade, onde ele faz o calculo preciso do tratamento na célula que está doente. Para isso é necessário um investimento de USS 350 mil dolares. Recurso este que a entidade pretende arrecadar através de uma campanha para mobilizar a sociedade civil, pois o hospital é uma entidade particular sem fins lucrativos.

O espaço que vem sendo construído tem o objetivo de ampliar o serviço e dar maior qualidade na realização da radioterapia e para um maior número de pessoas que precisam atendidas.

Acompanhando os números do câncer o paciente passa pela rede básica de saúde, onde são feitos exames e encaminhados à Santa Casa, onde é fechado o diagnóstico e o tratamento. No Brasil temos hoje 626 mil novos casos, só no estado de São Paulo 157.250.

De acordo com Bartkevicius os números têm aumentado porque se tem diagnosticado mais, “as pessoas procuram mais o médico, tem acesso, cânceres de pulmão, por exemplo, tem se diagnosticado em gripes, existe uma taxa global de mortalidade prevista para 225 mil pessoas e pode ser que a pandemia impacte ainda mais neste volume de óbitos”, disse ele.

A oncologia da Santa Casa trata todos os tipos de cânceres e é composta por ambulatório que faz o atendimento, as áreas de exames, radioterapia, quimioterapia e a parte cirúrgica. A nova estruturação é para fortalecer a quimio e a radio e expandir atendimento.

A Santa Casa que não mede esforços para atender bem a população, lança agora uma campanha para captação de recursos para que seja executado o UpGrade no Acelerador Linear Radioterápico e os números para contato são: Fixo: (16) 3303-2986 e Celular/WhatsApp: (16) 99132-5868.

O hospital tem ainda quatro campanhas abertas para manter leitos de UTI, Espalhando Solidariedade, Nota Fiscal Paulista e sua ajuda também pode chegar pela conta de energia. Veja abaixo as campanhas que você pode apoiar, ajudando assim o nosso hospital referência, que sempre esteve de portas abertas à sociedade atendendo com toda qualidade e estrutura casos de câncer em Araraquara e região.