Início Cultura e Lazer

Araraquara lança segundo edital em apoio aos artistas locais durante a crise do Covid-19

Depois dos vídeos gravados, agora a proposta é de lives musicais; são aguardadas apresentações de MPB, samba, pagode, rock, sertanejo, instrumental, funk e rap

18

Mais um edital lançado pela Secretaria Municipal da Cultura e Fundart chega para apoiar os artistas locais nesse período de pandemia e crise. O apoio do governo municipal à classe artística vem sendo referência para outras cidades que buscam informações sobre o trabalho desenvolvido pela Prefeitura de Araraquara.

Depois da seleção de vídeos com linguagens variadas, agora os trabalhos voltam-se para lives musicais (apresentações ao vivo). Samba, pagode, rock, sertanejo, instrumental, funk e rap são os estilos musicais inclusos para essa programação. A proposta visa atender demanda e necessidade dos artistas no momento de pandemia, além da manutenção e difusão da arte e da música, proporcionando atividades de cultura e lazer para toda comunidade araraquarense, abrindo espaço para que os artistas da cidade mostrem seu trabalho ao público.

“O lançamento das lives dá sequência às nossas iniciativas que vão para além do socorro às legítimas e urgentes necessidades imediatas dos artistas em tempos de pandemia”, conta a secretária municipal da Cultura, Teresa Telarolli. “É resultado de um esforço genuíno de adaptação e apropriação das chamadas novas plataformas enquanto meios de difusão e valorização da arte, mantendo e alimentando a relação do cidadão com os valores e benefícios que só a cultura pode proporcionar.”

As lives serão realizadas a partir da primeira quinzena de junho e transmitidas pela TV Web Participativa da Prefeitura (Canal da Prefeitura no Youtube), com links disponibilizados em todas as redes sociais oficiais do município.

É importante destacar que os artistas e grupos musicais que tiveram projetos contemplados por qualquer edital desta Secretaria e da Fundart nos últimos 30 dias, ficam impedidos de participar. Também, os músicos devem ser moradores da cidade de Araraquara e cada um poderá integrar somente um projeto do edital, não podendo compor mais de uma banda ou grupo proponente.

Uma das novidades dessa nova edição de trabalhos é que nos vídeos será disponibilizado, na tela de exibição, espaço para QR Code das bandas com o intuito de arrecadar recursos para os artistas.

Inscrições – O período de inscrições é de 22 a 31 de maio, sendo os projetos encaminhados exclusivamente por e-mail ([email protected]). Os documentos necessários para a inscrição – assim como demais informações – devem ser conferidos no edital que está disponível no site da Prefeitura de Araraquara, em “Editais da Cultura”.

Para avaliação das propostas serão considerados os critérios: excelência artística do projeto, qualificação dos profissionais envolvidos, histórico de apresentações, acessibilidade e viabilidade da proposta e condições técnicas compatíveis com o espaço proposto para realização das lives.

As propostas aprovadas receberão o valor bruto de R$ 500,00 e R$ 1.000,00 por uma sessão realizada. De acordo com a Fundação de Arte e Cultura do Município de Araraquara, devem ser contratadas 16 propostas no valor de R$ 500,00 (no mínimo dois integrantes no grupo) e 20 propostas no valor de R$ 1.000,00 (no mínimo quatro e até seis integrantes no grupo, podendo contar com equipe técnica).

Para informações e dúvidas, a Secretaria Municipal de Cultura e a FUNDART, atendem pelos telefones: (16) 3322-2770 e 3332-5432 ou pelo email [email protected].