Início Cultura e Lazer

Zélia Duncan realiza show em homenagem às mulheres em Araraquara

Apresentação gratuita realizada pela Prefeitura de Araraquara será na lateral do Gigantão

34
O ecletismo de Zélia, reflexo da cultura popular das cidades em que vive

A cantora, compositora e instrumentista Zélia Duncan é atração na programação da Prefeitura de Araraquara que homenageia as mulheres no mês de março. Zélia fará show no domingo, 08 de março, no Dia Internacional da Mulher, marcando a celebração na cidade com muita melodia e empoderamento feminino. A programação realizada pela Coordenadoria de Políticas para Mulheres, é gratuita e terá início às 17h30, com a cantora araraquarense Allydi, seguido do show de Zélia Duncan, às 19 horas, na lateral do Ginásio de Esportes Castelo Branco – Gigantão.

Zélia Duncan estreou na música em 1981, mas foi em 1994, com um disco homônimo, que chamou a atenção do grande público com canções como “Nos Lençóis desse Reggae” e “Catedral”. A cantora faz parte de uma geração de autores e intérpretes da música popular brasileira (MPB) surgida nos anos 1990, como Adriana Calcanhoto, Chico César, Cássia Eller, Zeca Baleiro e Marisa Monte.

Transitando desde o início da carreira entre a composição e a interpretação, Zélia interpreta canções dando ênfase ao conteúdo da letra, evidenciando sua marca pessoal: o timbre marcante e a extensão grave. Dorival Caymmi, Milton Nascimento, Ed Motta, Luiz Tatit e Itamar Assumpção entram em seu repertório, marcado pela pesquisa no cancioneiro popular.

O ecletismo de Zélia, reflexo da cultura popular das cidades em que vive: Brasília (rock), São Paulo (vanguarda paulistana) e Rio de Janeiro (samba carioca), com representações em seus discos. Zélia faz uma ponte entre o repertório pop e o cult ou alternativo, estando sempre atenta aos estilos musicais da música brasileira.

As letras de suas músicas apresentam situações e sentimentos do cotidiano, criando uma atmosfera de intimidade em sua obra. Um dos aspectos marcantes de sua produção é a temática feminina, além de brincadeiras com a linguagem utilizando expressões populares e o questionamento dos padrões.

Zélia Duncan é uma artista de referência, tanto como compositora quanto como intérprete. Além de ser uma intérprete de grandes compositores brasileiros, é também uma artista pop de sucesso.

Zélia lançou recentemente um álbum, “Tudo é Um”, bastante delicado, realçando a leveza de sua música. Um verdadeiro “antídoto” a turbulência dos dias atuais. “Tudo é Um”, tem produção de Christiaan Oyens e reúne parcerias com Chico Cesar, Zeca Baleiro, Dani Black, Fred Martins, Dimitri BR, Moska e Oyens Nele, reunindo 11 faixas que remetem ao pop folk de quando a carreira de Zélia começou.