Início Destaques

Morador do Selmi Dei registra boletim de ocorrência por injúria racial

O B.O. foi lavrado nesta sexta, Dia da Consciência Negra

60
A Polícia Civil solicitou os áudios da conversa

Nesta sexta-feira (20), Dia da Consciência Negra, um morador do Selmi Dei em Araraquara, procurou a delegacia para registrar um boletim de ocorrência de injúria, ao ser ofendido em grupo de whatsapp.

De acordo com o boletim de ocorrência o padeiro de 46 anos relatou ao delegado que faz parte de um grupo com mais de 300 pessoas, e que um desses participantes começou a xingar membros do grupo de – preto, negro e macaco. O padeiro então advertiu o homem, dizendo que isso poderia dar processo.

Foi então que o participante do grupo passou a dirigir as ofensas ao padeiro chamando-o de “negro, macaco, seu preto sem vergonha, afirmando ainda que se quiser processar, processa”.

O padeiro se sentiu ofendido com as ofensas raciais, pois o grupo todo teve acesso ao conteúdo da discussão. A Polícia Civil solicitou os áudios da conversa e o caso foi registrado em boletim de ocorrência. A vítima foi orientada ao prazo de 180 dias, para representar contra o acusado.