Início Cidade

Para início das obras, Ponte dos Machados será interditada nas próximas horas

Estando concluído o trabalho de sinalização que apontará desvios e rotas para o tráfego de veículos, incluindo os que transportam cargas pesadas que saem das propriedades rurais, a ponte será interditada e destruída. A interdição poderá ocorrer ainda nesta quinta-feira. A nova ponte surgirá em até 180 dias.

801
A ponte é histórica pois se transformou num marco para o transporte da produção cafeeira da região até a Estação Ferroviária em Araraquara

Ainda que com tráfego permitido em apenas uma das suas pistas a Ponte dos Machados que liga Araraquara a Guarapiranga, Ribeirão Bonito, Assentamento Bela Vista e propriedades rurais, cumpriu com seus papel por décadas numa época que o trânsito não era tão intenso e o transporte de cargas tão pesado.

Castigada pelo tempo e o progresso, a ponte que conduz ao Bairro dos Machados, um dos mais tradicionais da região em função da imensidão de propriedades rurais, será interditada entre hoje e amanhã para ser demolida e dar lugar a uma nova passagem, capaz de suportar o vai-e-vem dos veículos e principalmente as cargas originadas pelas culturas do campo que chegam até a cidade.

Por dois anos apenas veículos leves trafegam na Estrada Vicinal Abílio Augusto Corrêa, contudo, com o alerta dado pela Defesa Civil de Araraquara – que estaria sujeita a desmoronar, principalmente se houvesse a continuidade de chuvas intermitentes. O início da construção da nova ponte coincide com a necessidade da interdição e poderá evitar riscos maiores do que se tem passado.

Em novembro consultada pelo RCIA ARARAQUARA a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos contou que já havia iniciado a parte civil da obra da ponte dos Machados, mas teve que interromper para que a empresa Cutrale pudesse realizar um serviço de desvio dos seus dutos de esgoto industrial que passavam sob o leito do córrego e que, segundo a empresa, poderiam não resistir às estacas e vibrações das máquinas no local. Em seguida, a CPFL também teve que remover alguns postes do local; esse serviço terminou semanas atrás.

Com a contratação da empresa para execução do serviço orçado em R$ 2.209.421,36, sendo R$ 2.140.428,92 em repasse estadual e R$ 68.992,44 em contrapartida municipal, o início das obras depende apenas da implantação da sinalização indicando os desvios e isso começa a ser feito à partir desta quinta-feira (27), disse o Cel. João Alberto Nogueira Júnior, Secretário Municipal de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública. Sua secretaria está atrelada, ao acompanhamento e segurança do local.

Como já havia no projeto anterior a previsão de construção da nova ponte em até 180 dias, é possível que o empreendimento venha a ser inaugurado e entregue à população por ocasião do aniversário de Araraquara, em agosto.