Início Cidade

Previsão de frio intenso faz Prefeitura intensificar ações voltadas para pessoas em situação de rua

Equipes especializadas reforçam abordagem para direcioná-los para a Casa de Acolhida e oferecer agasalhos e cobertores

26
Morador de Rua 108
Preocupação com os moradores de rua em Araraquara

Segundo previsão do Instituto Climatempo, Araraquara receberá um frio intenso na próxima semana, com uma temperatura mínima de 3°C e máxima 15°C, podendo chegar a -1°C no sábado (21). Por isso, a Prefeitura de Araraquara prepara uma ação articulada que visa garantir acolhimento e intensificar as ações voltadas para a população em situação de rua.

As equipes do Serviço Especializado em Abordagem Social estão intensificando o trabalho nas áreas de concentração desse público, onde oferecerão acolhimento junto à Casa de Acolhida (antiga Casa Transitória). O trabalho conta com a parceria da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social com outros agentes da rede, como a Secretaria de Saúde, Coordenadoria de Segurança Alimentar, o Fundo Social de Solidariedade, a Guarda Civil Municipal, Defesa Civil, grupos solidários e organizações da sociedade civil de Araraquara.

Também foi organizado, na Casa de Acolhida, um espaço apropriado para abrigar os cães destas pessoas, com segurança.

AÇÃO ARTICULADA

A Secretária Jacqueline Barbosa

A secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Jacqueline Barbosa, explicou que a ação é realizada de maneira articulada, visto que a proteção social não é só da assistência social, mas sim de todas as políticas públicas, principalmente relacionadas a esse segmento que está em risco. “Nesse sentido, há uma intensificação das ações nas ruas, de abordagem social, tanto pelas equipes de Assistência Social, como de Saúde, Defesa Civil e Guardas Municipais. Há todo um trabalho de vinculação e de conhecimento para que essas pessoas aceitem ir para os serviços de acolhimento e, caso haja a negativa, recebam o agasalho e o cobertor”, explica.

O secretário de Cooperação dos Assuntos de Segurança Pública, coronel João Alberto Nogueira Júnior, enalteceu a iniciativa. “Diante das informações da Defesa Civil do estado, com previsão de queda acentuada da temperatura, a Guarda Civil Municipal e a Gerência de Proteção e Defesa civil estarão, durante a semana que vem, percorrendo as ruas da cidade com o intuito de se solidarizar com as pessoas em situação de rua, que são as mais vulneráveis nesse momento, e já em um trabalho em parceria com a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social, estaremos percorrendo as principais praças e ruas, procurando detectar pessoas em situação de vulnerabilidade que necessitam de auxílio. É um trabalho solidário muito importante nesse momento em que nós teremos o registro de temperaturas extremamente baixas e que podem colocar em risco a vida de pessoas, principalmente daquelas que se encontram em uma situação de vulnerabilidade”, opinou.

Caetano Emanoel Mascia Beretta Gonçalves, gerente de Proteção Social Especial, falou sobre o procedimento de abordagem. “O trabalho consiste em, baseado no estabelecimento ou fortalecimento do vínculo dos técnicos com essa pessoas, buscar sensibilizá-los e convencê-los a aderirem aos serviços, especialmente, o acolhimento na Casa de Acolhida, a fim de protegê-los da exposição ao frio intenso”, revela.

Para as pessoas que optam por não aceitar o acolhimento, a Prefeitura oferece os serviços do Centro POP, especialmente a oferta de banho e alimentação. “Cabe ressaltar também a importância da equipe da Saúde que também atende esse público. Uma equipe técnica se desloca até esse local para atender demandas relacionadas à saúde, fornecer vacinas, medicamentos e demais ações necessárias para garantir o direito à saúde para a população em situação de rua”, completa Caetano.

FORMAS DE COLABORAR

Também foi organizado, na Casa de Acolhida, um espaço apropriado para abrigar os cães destas pessoas, com segurança

Jacqueline também aponta formas para a população colaborar com o combate ao frio na cidade. “É importante salientar a importância da Campanha do Agasalho que está acontecendo na cidade para que cada pessoa também possa fazer parte desse plano de ação no inverno, que é poder olhar na sua casa, na sua residência, aquilo que não lhe é mais útil, mas que pode ser útil para outras pessoas. Outra ação importante da sociedade civil é para que quando se deparar com uma pessoa em situação de rua, nos acionem para que possamos fazer a abordagem e oferecer os serviços da Prefeitura. Isso é uma maneira importante da sociedade contribuir nesse plano de inverno”, recomenda a secretária.

A Campanha do Agasalho 2022 foi lançada pela Prefeitura de Araraquara e pelo Fundo Social de Solidariedade no final do mês de abril. Com o tema “Neste inverno vamos cobrir a cidade de amor”, a ação vai até o dia 31 de julho em 117 pontos de coleta que estão relacionados no site oficial da Prefeitura (www.araraquara.sp.gov.br).

Já o cidadão que encontrar uma pessoa em situação de rua e quiser ajudar pode acionar as equipes ligando para a Guarda Civil Municipal pelo número 153, para a Casa de Acolhida no telefone 3336-7510, ou durante o dia das 8h às 16h no Centro POP pelos telefones 3334-2253 ou 3331-2313.