Início Esporte

CBF suspende competições de nível nacional por tempo indeterminado

Brasileirão Feminino e Copa do Brasil, competições em que a Ferroviária participa, são suspensas

21
Crédito: Lucas Figueiredo / CBF

A CBF confirmou hoje a suspensão de todas as suspensões de nível nacional por tempo indeterminado devido a pandemia do Coronavírus (Covid-19).

Em comunicado, a entidade confirmou as suspensões dos campeonatos que estão em andamento: Copa do Brasil, Campeonatos Brasileiros Femininos A1 e A2, Campeonato Brasileiro Sub-17 e Copa do Brasil Sub-20.

“Sabemos e assumimos a responsabilidade do futebol na luta contra a expansão da COVID-19 no Brasil”, afirmou o presidente da CBF, Rogério Caboclo.

Com isso, a partida entre Corinthians e Ferroviária, que aconteceria nesta segunda-feira, está suspensa. O time da capital já havia anunciado que o jogo aconteceria com portões fechados, no Parque São Jorge, por precaução ao surto do Coronavírus.

Pela Copa do Brasil, a partida de volta entre América-MG e Ferroviária, agendada para quinta-feira (19), em Belo Horizonte, também não acontecerá.

Isso não implica com as federações estaduais. Nesta segunda-feira, a FPF se reunirá com os clubes para decidir o futuro das divisões do Campeonato Paulista.

Confira a nota divulgada pela entidade máxima do futebol brasileiro:

“A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) decidiu suspender, a partir desta segunda-feira, dia 16/3, por prazo indeterminado, as competições nacionais sob sua coordenação que estão em andamento: Copa do Brasil, Campeonatos Brasileiros Femininos A1 e A2, Campeonato Brasileiro Sub-17 e Copa do Brasil Sub-20.

“Sabemos e assumimos a responsabilidade do futebol na luta contra a expansão da COVID-19 no Brasil”, afirma o presidente da CBF, Rogério Caboclo.

Em relação aos campeonatos estaduais, as Federações Estaduais de futebol, entidades organizadoras, terão deliberações específicas para cada competição, sendo respeitada a sua autonomia local.

A CBF seguirá em permanente contato com o Ministério da Saúde, unindo esforços para que o país e o esporte superem o grande desafio em relação à pandemia, torcendo para que, o quanto antes, possamos voltar à normalidade.”