Início Esporte

Fora de casa, Novorizontino empata primeira semifinal com o Floresta

O jogo de volta acontecerá no próximo sábado (23), às 18h, no Estádio Jorge de Biasi, em Novo Horizonte

39
Crédito: Ronaldo Oliveira/ASCOM Floresta EC

Depois de conquistar o acesso, o Novorizontino agora segue na briga pelo título do Campeonato Brasileiro Série D. Neste sábado (16), visitou o Floresta-CE, na Arena Castelão, em Fortaleza (CE) e empatou por 1 a 1 no primeiro jogo da semifinal. Cléo Silva marcou para os paulistas e Jô fez para os cearenses.

O jogo de volta acontecerá no próximo sábado (23), às 18h, no Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte. Quem vencer avança à final enquanto um novo empate leva a decisão para os pênaltis. A decisão do título será contra o vencedor do duelo entre Mirassol-SP e Altos-PI, que realizam a primeira partida neste domingo (17).

A primeira boa chegada foi do Novorizontino, logo aos seis minutos. Após cobrança rápida de lateral, Danielzinho ajeitou bonito para Guilherme Queiroz, que chutou de primeira e exigiu grande defesa do goleiro.

O time paulista manteve a postura ofensiva e chegou ao gol aos 14 minutos. Cléo Silva tabelou muito bem com Pereira, recebeu dentro da área e chutou firme, no alto, para abrir o placar. Aos 24, Pereira também serviu Guilherme Queiroz, que levou perigo em chute por cima.

Aos 25, porém, o Floresta chegou ao empate, também em bonita jogada. Jô recebeu no meio-campo, clareou a jogada com toque para Deysinho, na meia-lua, que devolveu de primeira. Jô invadiu a área e chutou forte, no canto.

No segundo tempo, o Novorizontino continuou mais organizado e com postura ofensiva, mas menor número de chances perigosas. Aos 22, Felipe Rodrigues fez boa jogada com Cléo pela direita, chegou à linha de fundo e cruzou, mas o goleiro defendeu antes de a bola chegar em Caio Monteiro e evitou o gol.

Em seguida, o Floresta teve chance de contra-ataque, logo desarmado pela defesa paulista. A partir daí, o jogo ficou bem morno e o placar não se alterou mais, apesar de certa pressão do Novorizontino nos minutos finais, incluindo um chute de fora da área de Cléo Silva, sem perigo.

Com informações da FPF.org.br