Início Esporte

Japão desiste de candidatura para Copa do Mundo Feminina 2023

Há três dias de anuncio, caminho fica livre para Nova Zelândia e Austrália serem sede conjuntas

17
Crédito: Getty Images

O Japão retirou sua candidatura para a Copa do Mundo Feminino de 2023. Em comunicado, a Associação de Futebol do Japão (JFA), juntamente com o seu comitê e também com Comitê de Proposta do Japão, “foi tomada após consideração cuidadosa”.

Há três dias da FIFA definir o país sede, a desistência é considerada também por conta da pandemia do coronavírus (COVID-19), já que existe um temor no país que ainda receberá os Jogos Olímpicos no próximo ano.

Com isso, Nova Zelândia e Austrália estão próximas de se tornarem sede conjuntas para receber a próxima Copa, com a Colômbia sendo representante da América do Sul, mas corre por fora.

No começo do mês, o Brasil também anunciou a retirada da candidatura, pois não atendeu as exigências da entidade máxima do futebol com o Governo Federal.