Início Esporte

Jogadoras do Sesi Araraquara participam da AmeriCup 2021 com a Seleção Brasileira

Mariane de Carvalho e Tainá Paixão já estão em Porto Rico com o Time Brasil

44
Ala Mariane e armadora Tainá Paixão são as representantes do time araraquarense na competição - Crédito: Montagem/Divulgação

A Seleção Brasileira Feminina de Basquete desembarcou na última quarta-feira (9), na capital de Porto Rico, San Juan, cidade onde será disputada a AmeriCup. Entre as convocadas para representar o Time Brasil, a ala Mariane de Carvalho (Nany) e a ala/armadora Tainá Paixão, atletas do Sesi Araraquara Basquete, integram o grupo na disputa do torneio entre os dias 11 a 19 de junho.

Antes de partir para Porto Rico, a seleção passou por duas semanas de preparação na cidade de Salto, interior de São Paulo. “Foram dias muito intensos, o time conseguiu entrosar bastante. Já estávamos fortes fisicamente por causa das competições que participamos recentemente com nossos clubes, então isso ajudou bastante na preparação”, comentou Tainá Paixão. A atleta já vai para sua 4ª AmeriCup com a Seleção Brasileira.

Durante toda a preparação em Salto até a competição em Porto Rico, a equipe deve seguir os protocolos de segurança rigorosos, impostos pela FIBA e a CBB para evitar a contaminação da Covi-19. “Em Salto a gente fez diversas baterias de exames PCR contra a Covid-19 e ficamos em uma espécie de bolha social para evitar a contaminação. Ontem ao chegar em Porto Rico fizemos mais exames, ficamos em quarentena no hotel enquanto aguardamos o resultado e continuaremos seguindo esses mesmos protocolos durante toda a competição”, confirmou Paixão.

A estreia do Brasil será nesta sexta-feira, 11 de junho, contra o time de El Salvador, às 19h30. “Estou bem animada para o jogo de sexta, o time está bem entrosado e quero ajudar bastante a equipe. Espero também que essa seja apenas a primeira vez, de muitas, que eu vestirei a camisa do Brasil em uma competição com a equipe adulta”, completou Nany.

Na AmeriCup o Brasil faz parte do Grupo A, que também tem Colômbia, Ilhas Virgens e Canadá. Os quatro primeiros avançam para as quartas de final, quando encaram os quatro times melhores chaveados do Grupo B. Os quatro classificados para as semifinais também garantem um lugar no Pré-Mundial, em fevereiro de 2022.

Do PAF para a Seleção Brasileira de Basquete Feminino 

Nascida e criada em Araraquara, Mariane de Carvalho foi aluna do Sesi-SP e iniciou a pratica esportiva no programa Atleta do Futuro (PAF) aos 7 anos por incentivo da mãe e dos irmãos mais velhos que já praticavam. Além do basquete, handebol, tênis, futsal, polo aquático e até ballet fizeram parte do processo de iniciação da jovem atleta. E foi aos 10 anos, que o professor Gilberto Paganini a incentivou a ficar somente na modalidade de basquete por já demonstrar boa aptidão.

“O programa Atleta do Futuro sempre foi muito importante para mim e para os meus irmãos. Ter acesso tanto à educação quanto ao esporte no Sesi-SP mudou minha vida e faz parte de todas as minhas conquistas”, comentou Mariane.

A ala tem em seu currículo o terceiro lugar da FIBA Américas com a seleção brasileira sub-16, participação na FIBA Américas sub-18, Campeonato Mundial sub-17, Campeonato Mundial sub-19, terceiro lugar no Campeonato Nacional de Júnior Colleges com o Highland CC, foi eleita a melhor jogadora da conferência de Júnior Colleges em Kansas 2018, marcou presença na seleção brasileira nas convocações para o Pan-Americano 2019 e agora irá vestir a camisa da seleção para defender o Brasil na Americup 2021.

Programa Atleta do Futuro 

O programa Atleta do Futuro, com mais de 25 anos de história, promove formação e cultura esportiva. Tudo oferecido gratuitamente para crianças e jovens de 6 a 17 anos. A proposta é contribuir para a garantia do direito de acesso ao esporte de qualidade a partir da metodologia elaborada pelo SESI-SP, que alinha o esporte ao desenvolvimento integral dos participantes. Ao promover formação esportiva, o SESI-SP permite que os alunos e alunas aprendam diferentes modalidades esportivas, com conteúdo e estratégias adequadas para cada faixa etária. Ao difundir a cultura esportiva, a instituição permite que o aluno desenvolva uma relação na qual o esporte faça parte de sua vida, seja como praticante, espectador ou profissional.

Brasil na AmeriCup 2021 

Brasil X El Salvador
Dia 11 de junho, sexta-feira, às 19h30

Brasil X Colômbia*
Dia 12 de junho, sábado

Brasil X Canadá*
Dia 13 de junho, domingo

Brasil X Ilhas Virgens*
Dia 14 de junho, segunda-feira

*Os horários das competições ainda serão confirmados pela organização.