Início Esporte

São Paulo perde para o Red Bull Bragantino; Botafogo respira no Paulistão

Tricolor perde de virada, para o Toro Loko em pleno Morumbi; Pantera derrota o Guarani e deixa a zona do rebaixamento

53
Crédito: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Em uma das partidas que fechou as disputas da 11ª rodada do Paulistão – a primeira nesta retomada do futebol estadual depois da pausa por conta da pandemia do novo coronavírus – o Red Bull Bragantino levou a melhor no ‘duelo dos já classificados’ na noite desta quinta-feira (23). Jogando no Morumbi, a equipe de Bragança Paulista até saiu atrás no placar, mas conseguiu vencer o São Paulo, de virada, pelo placar de 3 a 2.

De quebra, o Red Bull Bragantino assumiu a primeira colocação geral do estadual, com 20 pontos somados. Essa foi a quarta vitória seguida da equipe, que teve um início ruim, mas depois engatou e que se mantém na liderança do Grupo D. Atrás dele, vem o Guarani com 16 pontos e o Corinthians com 14, brigando pela vaga.

Já o São Paulo, apesar da derrota, continua na primeira colocação do Grupo C, com 18 pontos somados. A outra vaga da chave será decidida na última rodada entre o segundo colocado Mirassol que tem 17 e a Inter de Limeira, com 14. O time do Morumbi entrará em campo na última rodada, apenas para tentar assegurar a liderança da chave, que o trará o benefício de decidir a vaga dentro de casa.

O Botafogo levou a melhor sobre o Guarani com vitória por 2 a 0 no estádio Primeiro de Maio, em São Bernardo do Campo. O resultado foi muito comemorado pelo time de Ribeirão Preto, que deixa a zona do rebaixamento, também favoreceu o Corinthians, que segue com chances de classificação para as quartas de final no Grupo D.

Com 11 pontos, o Botafogo deixa Oeste e Ponte Preta dentro da zona da degola, ambos com 10 pontos, e as vagas só serão definidas no próximo domingo (26), na última rodada. O Guarani, com 16 pontos, ainda é o segundo colocado do Grupo D, mas não conseguiu garantir a classificação de forma antecipada e vê o Corinthians, com dois pontos a menos, ainda com chances de retomar a posição.