Início Ferroviária

Com estreia de técnico, Ferroviária encara Bangu pela liderança do Grupo A-7

Locomotiva terá desfalques para o confronto na tarde deste sábado, no Rio de Janeiro

39
Crédito: Jonatan Dutra / Ferroviária S/A

Em duelo que vale a liderança do Grupo A-7, a Ferroviária vai até o Rio de Janeiro encarar o Bangu, às 15h, no estádio Moça Bonita, pela sétima rodada do Brasileiro da Série D.

Segunda colocada com 11 pontos, a Locomotiva se reencontrou com a vitória na última quarta-feira, quando venceu a Cabofriense por 3 a 1, na Fonte Luminosa. Já o Alvirrubro tropeçou e apenas empatou com o lanterna do grupo, o Toledo, por 1 a 1, fora de casa.

O treinador interino, Leonardo Mendes, comandou a equipe pela última vez e agora deu lugar para o experiente Paulo Roberto Santos, tendo como meta levar a equipe para a Série C no próximo ano.

Em suas primeiras palavras, o treinador falou da expectativa de comandar a equipe competição, de ter obtido diversos acesso na carreira e de pedir apoio de todos para a equipe conquistar os seus objetivos.

– O nosso objetivo e motivação tem que ser o maior possível, até porque é uma competição que nós temos o conhecimento. Esta é a quarta vez que participo da Série D e a última eu consegui o acesso [com o São Bento] e nós vamos imbuído deste pensamento. Com a colaboração de todos, levarmos juntos a Ferroviária no sonho que é de conquistar o acesso a Série C – contou.

Sobre a utilização dos jogadores, Paulo Roberto declarou que pretende trabalhar com, no máximo, 30 jogadores e citou a outra competição que o clube vai disputar, a Copa Paulista, com início previsto para o dia 4 de novembro, na qual deve mudar algumas peças para a outra equipe.

– Existe uma outra competição se aproximando e o clube tem que se fortalecer e preparar para isso, mas ficou acordado entre nós e a diretoria um elenco para que pudéssemos trabalhar entre 28 e 30 jogadores, onde alguns serão remanejados para o outro elenco [da Copa Paulista] – declarou o técnico.

Apesar de ter o segundo melhor ataque da competição com 14 gols (o Brasiliense é o melhor com 15), o setor defensivo é o que tem mais preocupado e tem falhado nos últimos jogos. Por ter uma característica mais defensiva, Paulo Roberto espero corrigir isso mesmo com pouco tempo de trabalho.

– Eu assisti dois ou três jogos apenas da Ferroviária na Série D e ouve-se falar muito sobre isso. É claro que nós temos que trabalhar e muito esta situação, até porque nas equipes que procuramos montar e iniciar o trabalho, sempre demos ênfase para o setor defensivo, até porque uma equipe tem que ser montada de trás pra frente, e ajustada também. Nós vamos tentar, dentro daquilo que é importante, na parte prática, ajustar o sistema defensivo, principalmente com as bolas paradas –  ressaltou.

Artilheiro ao lado de Bruno Mezenga com três gols, o meia Fellipe Mateus comentou sobre a chegada do novo treinador e acredita que a equipe consiga sair com a vitória fora de casa e buscar a classificação antecipada para a segunda fase da competição.

– Sabemos da qualidade do Paulo. Ele chega neste momento na competição, mas tem a experiência dele, até por ter conseguido acesso. Estamos em boas mãos. Entende a filosofia do jogo e também da competição. Agora estamos focados para este jogo contra o Bangu. Trabalhamos durante a semana com o Léo e tem a chegada do Paulo, para conseguir sair aqui do Rio com a vitória e também com a classificação antecipada – comentou o jogador.

O zagueiro Anderson Salles e os atacantes Bruno Mezenga e Hygor, machucados, são desfalques certos diante do Bangu. A novidade na lista de relacionados fica por conta da presença de Gleyson, que estava treinando com o elenco da Copa Paulista.

A Ferroviária deverá ir a campo com Saulo; Lucas Mendes, Matheus Salustiano e Bruno Recife; Dener, Nando Carandina, Tony e Fellipe Mateus; Branquinho e Tiago Marques.

Os 21 jogadores relacionados para a partida são: goleiros Saulo e José Guilherme; laterais Lucas Mendes, Pastor, Bruno Recife e Arthur; os zagueiros Matheus Salustiano, Max e Fabão; os meio-campistas Nando Carandina, Dener, Tony, Dudu Vieira, Fellipe Mateus, Pio e Ian, e os atacantes Tiago Marques, Branquinho, Felipe Sampaio, Jhoninha e Gleyson.