Início Ferroviária

Em primeira decisão na semana, Ferroviária recebe o América-MG pela Copa do Brasil

Treinador Sérgio Soares tem dúvidas na escalação para o duelo diante do Coelho nesta quarta-feira

35
Crédito: Tiago Pavini / Ferroviária S/A

Em duelo histórico, Ferroviária e América-MG iniciam a primeira batalha nesta quarta-feira, às 19h15, na Fonte Luminosa, pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

E a semana promete ser cheia para o time grená. No sábado, a equipe tem duelo importante diante do Novorizontino pelo Paulistão e pode valer, em caso de vitória, a permanência na luta por uma classificação às quartas de final.

Apesar das decisões, o treinador Sérgio Soares minimizou a questão física da equipe com pouco tempo de recuperação de um jogo para o outro.

“Temos um jogo importante no final de semana e sem tempo para trabalhar. A verdade é que sempre trabalho para dois jogos. Tem jogo amanhã [quarta-feira] importante e na sequência te mais um jogo difícil. É mais recuperação do que propriamente treino, pois não temos tempo para isso”, contou.

Por isso, o técnico faz mistério sobre a escalação. O meia Claudinho virou dúvida depois de ter uma contratura muscular no último sábado, na partida contra o Palmeiras. Léo Artur e Fellipe Mateus podem entrar em seu lugar.

“A pergunta é boa, mas eu não posso respondê-la [risos]. Pode ser a equipe que começou o jogo contra o Palmeiras ou a que foi mexida durante a partida. Se eu responder, o Lisca [técnico do América] vai estar preparado. Eu já estou careca, mas vamos deixar que ele fique também”, brincou Soares.

Já o experiente lateral-esquerdo Bruno Recife ressaltou o trabalho que o treinador adversário faz com os jogadores, principalmente na parte motivacional.

“Eu já tive a oportunidade de jogar contra ele [Lisca]. A gente sabe que ele é um treinador “ligado”, consegue “pilhar” os jogadores e isso pode ser intenso amanhã [quarta-feira]. É um treinador muito experiente e por onde passou fez grandes trabalhos. Temos que ter cuidado, nos mínimos detalhes, para não sermos surpreendidos no primeiro jogo em casa”, declarou o jogador.

Estão fora da partida o zagueiro Patrick, que passou por cirurgia no nariz e aprimora a parte física, e o atacante Felipe Ferreira, com uma lesão no tornozelo e tenta se recuperar para o jogo de sábado.

A provável escalação da Ferroviária é Saulo; Lucas Mendes, Elton, Max e Bruno Recife; Mazinho, Tony e Claudinho (Léo Artur/Fellipe Mateus); Patrick Brey, Henan e Hygor.

COELHO TAMBÉM COM DÚVIDAS

O técnico Lisca contará com baixas para o jogo desta quarta-feira. O lateral-esquerdo João Paulo, foi desfalque na partida contra o Boa Esporte-MG por uma lesão muscular na coxa direita e permanece no departamento médico.

Já o goleiro Airton, também ficou fora do último jogo e faz tratamento intensivo devido a um incômodo na coxa esquerda. Caso não reúna condições, Jori é cotado para a assumir a posição.

SEGUNDO DUELO NA HISTÓRIA

Está será a segunda vez que Ferroviária e América-MG se encontrarão. O único duelo aconteceu na Taça de Prata de 1980 e a Locomotiva levou a melhor quando venceu o Coelho por 2 a 0, no Mineirão. Bispo e Douglas Onça fizeram os gols da partida.

QUEM APITA?

A arbitragem ficará por conta do trio do Espírito Santo, formado por Dyorgines Jose Padovani de Andrade, auxiliado por Fabiano da Silva Ramires e Katiuscia Berger Mendonça.