Início Destaques

Leonardo Mendes será o décimo araraquarense a comandar a Ferroviária

Esta será a primeira vez que treinador de 40 anos comandará a equipe principal, diante do Toledo, pela Série D

164
Crédito: Tiago Pavini / Ferroviária S/A

por Rafael Zocco

Enquanto a diretoria trabalha em um novo nome para o comando técnico, a Ferroviária terá o treinador Leonardo Mendes para a partida diante do Toledo, no próximo domingo, às 16h, no estádio 14 de Dezembro, no Paraná, pela 4ª rodada da Série D do Brasileiro.

Na história, Mendes será o décimo treinador araraquarense a comandar a equipe principal, o primeiro na atual gestão da MS Sports. O primeiro foi Djalma Bonini, o popular Picolim, nos anos 50 e 60, e o último havia sido o PC de Oliveira, entre 2017 e 2018.

Formado em Educação Física e Pós-Graduado em Treinamento Desportivo, a trajetória de Leonardo Mendes, de 40 anos, na beira do campo teve início em 2015. Após treinar o time feminino de futsal da cidade, assumiu a equipe feminina da Ferroviária, ocupando a vaga deixada por Douglas Onça. Mesmo com o elenco passando por uma reformulação profunda, conseguiu conquistar a Libertadores da América.

No ano seguinte, passou a trabalhar com as categorias de base, sendo treinador da equipe Sub-20, onde obteve êxito e ajudou o clube a formar atletas que tiveram chances na equipe profissional ou que estão em outros clubes grandes do Brasil e também Europa.

Ainda exercendo a função, chegou a ser auxiliar-técnico de PC de Oliveira no time profissional, no segundo semestre de 2017, durante a disputa da Copa Paulista, onde a equipe foi campeã.

Recentemente, Leonardo Mendes fez curso da Licença A da ATFA (Asociación de Técnicos del Futból Argentino), que durou 25 meses, e possuí também a Licença B de treinador da CBF.

Os dez treinadores araraquarenses na história da Ferroviária:

Djalma Bonini (Picolim) – 1956/1957/1962/1965/1966
Dudu – 1981
Dorival Júnior – 2002
Douglas Neves -2004/2005/2009
João Martins – 2006/2009/2010/2011
Sérgio Luiz Bonifácio (Telão) – 2008 (interino)
Ito Roque – 2012/2013
Fabrício Maia – 2013 (interino)
PC de Oliveira – 2017/2018
Leonardo Mendes – 2020

*Colaboraram Paulo Luís Micali e Vicente Baroffaldi, do blog “Ferroviária em Campo”