Início Polícia

Militar é atropelado durante abordagem policial, pelo cunhado de um procurado

Polícia realizava operação para prender um procurado quando chegou seu cunhado e atropelou o militar, fugindo em seguida. Houve perseguição e tiroteio no bairro.

118
Gol usado para atropelar o policial (Foto: Maycon Maximino, SCA)

O tenente Luan Guerreiro que foi atropelado ao tentar prender um procurado pela Justiça na manhã desta terça-feira (12), no bairro Planalto Verde, segue internado na Santa Casa de São Carlos, mas segundo a assessoria de imprensa do hospital, seu estado de saúde é estável.

Naquele momento se desencadeava uma operação visando capturar um bandido; Guerreiro perseguia a pé o homem, quando o cunhado do suspeito se aproximou e o atropelou.

O oficial da PM foi prensado contra um Fusca e sofreu vários ferimentos, principalmente no rosto e cabeça. A partir daí começou uma perseguição pelo bairro e troca de tiros.

Juarez Rafael de Souza, 27 anos, acusado de atropelar o policial foi morto em confronto com a PM. A polícia ainda procura o segundo bandido envolvido no atropelamento.