Início Política

Atos pró-Bolsonaro e contra Ibaneis movimentam Brasília

Grupos gritaram contra governador do Distrito Federal após decisão de fechar a Esplanada dificultando as manifestações

40

O grupo de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro se reuniu neste domingo (14), na frente do Quartel-General do Exército, em Brasília, para manifestar seu apoio ao governo federal e repúdio contra o governador Ibaneis Rocha após a decisão do líder do Executivo estadual de fechar a Esplanada dos Ministérios e impedir atos no local.

Usando blusas do Brasil e com bandeiras do país, o grupo entoou gritos como “Fora, Ibaneis!” e “Pelo nosso direito constitucional de protestar”. Depois da concentração, os apoiadores de Bolsonaro seguiram até o Palácio do Buriti, sede do governo do Distrito Federal.

Ao chegar no local, por volta de 13h30, manifestantes começaram a gritar “Ibaneis comunista” e pediam a saída do governador do poder. Na ocasião, integrantes do protesto chegaram a fechar parte da via, tudo de forma pacífica.

As manifestações contra Ibaneis acontecem após a edição de um decreto que fechou a Esplanada para manifestações. Segundo o documento, para haver protestos no DF, grupos organizadores deveriam encaminhar um pedido de autorização à Secretaria de Segurança Pública.

Outro ponto de discordância foi a retirada dos acampamentos que se instalaram na Esplanada dos Ministérios e que foram retirados com sinais de violência por parte da Polícia Militar. Em algumas fotos, grupos chegaram a relatar o uso de spray de pimenta em manifestantes que estavam ajoelhados.