Início Destaques

Ministério da Justiça nega que Moro tenha pedido demissão

Informação também foi confirmada pelo ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto

36

Nesta quinta-feira (23), uma possível demissão do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, se espalharam pela imprensa e pelas redes sociais. A informação, no entanto, segundo o Planalto é falsa e Moro continuará no governo do presidente Jair Bolsonaro, de acordo com a assessoria do próprio Ministério da Justiça.

Em entrevista coletiva, o ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto, também confirmou que Moro segue no cargo.

O motivo apontado pelas notícias para o suposto pedido de demissão do ministro foi uma possível troca no comando da Polícia Federal (PF). As notícias afirmavam que Bolsonaro queria trocar o atual diretor-geral, Maurício Valeixo, por um outro nome, o que teria desagradado Sergio Moro.

De acordo com o jornalista Fausto Macedo, do jornal O Estado de S. Paulo, a saída de Valeixo do cargo seria a pedido do próprio diretor-geral da PF, que disse a Moro estar cansado. Ele também teria negado que a decisão de deixar o posto tivesse relação com um inquérito envolvendo o presidente Jair Bolsonaro.

Ainda segundo o veículo, o nome do substituto, caso Valeixo deixe o cargo, será escolhido em conjunto por Moro e Bolsonaro.