Início Social

Entre cachecóis e gorros, um grupo chamado Coração

546
Coracao Grupo

Coracao Grupo

A sexta-feira, dia 14, foi um dia especial para a coordenadora e fundadora do Grupo Coração Araraquara, a professora Nilza Zoéga Amaral. Acompanhada de voluntários, entre eles, o vereador Roger Mendes (Progressistas), ela participou da entrega de cachecóis e de gorros na Vila Vicentina e no Lar e Internato Otoniel de Camargo.

“Foram distribuídas 92 peças”, ressaltou Nilza, contente, acrescentando que, para ela, poder voltar a esses lugares é um sonho realizado. “Rezei muito para poder comparecer, por conta da saúde, mas Deus me ajudou e isso alegrou meu coração.” A professora recebeu carinho, elogios e, principalmente, gratidão dos que vão poder se aquecer um pouquinho mais. “Mas nada se compara ao calor humano. Até música cantaram para mim”. 

Já o vereador Roger Mendes contou que, embora seja voluntário do grupo há alguns anos, sempre se surpreende. “Toda vez, a sensação e os acontecimentos são diferentes. É sempre uma nova história que você ouve e também há a oportunidade de revigorar o nosso espirito solidário. Além disso, é um momento para refletir. É quando a gente sai daquela correria, da cobrança diária, e que, de fato, olha no olho do ser humano e observa algumas coisas que no dia-a-dia passam despercebidas.”

Ainda, segundo o parlamentar, é muito gratificante notar o carinho e a receptividade com que os idosos os recebem. “É algo espontâneo”, disse. Vale ressaltar que o Grupo Coração foi criado em 14 de março de 2008 e faz doações de enxovais de bebê e também gorros, cachecóis e meias para idosos.