Início Cidade

Sancionadas quatro leis aprovadas pela Câmara Municipal

Iniciativas são dos vereadores Juliana Damus (Progressistas), Jeferson Yashuda (PSDB), Roger Mendes (Progressistas) e Magal Verri (MDB)

267
Evento realizado nesta segunda-feira na Prefeitura Municipal

O prefeito Edinho sancionou na tarde desta segunda-feira (9), em evento na Prefeitura, quatro leis municipais idealizadas e aprovadas pelos vereadores na Câmara Municipal.

Projeto de lei da vereadora Juliana Damus (Progressistas) denomina Avenida Leandro Antônio D’Todaro a via pública conhecida como Rua Zero do loteamento Residencial Monte Carlo.

Nascido em Araraquara, em 1941, Leandro D’Todaro foi sargento do Exército Brasileiro, professor do Senai e proprietário de uma loja de materiais elétricos e de peças para oficina mecânica na Rua Gonçalves Dias (Rua 1). Foi casado com Teresa D’Todaro por 58 anos e teve dois filhos. O homenageado morreu em 2016, aos 75 anos.

Outro projeto de lei, do vereador Jeferson Yashuda (PSDB), homenageia Antônio de Camargo Mello em uma via pública conhecida como Rua 04 do Residencial Jatobá. Antônio nasceu em Ibaté, em 1928, mas morou em Araraquara por 70 anos. Ele esteve casado com Maria Aparecida por 63 anos e teve quatro filhos. Antônio faleceu em 2018, aos 89 anos.

Projeto do parlamentar Roger Mendes (Progressistas) institui e inclui no Calendário Oficial de Eventos do Município o Dia da Conscientização da Síndrome de Down, a ser comemorado anualmente em 21 de março e que terá atividades que promovam a visibilidade social das pessoas com Síndrome de Down.

Por fim, projeto do vereador Magal Verri (MDB) altera o Código de Posturas do Município e determina que seja medida em metros lineares a distância mínima para instalação de depósito de materiais recicláveis ou sucatas próximo a creches, escolas, postos de saúde e similares. O texto anterior citava a distância em raio.

Em sua fala, o prefeito Edinho parabenizou todos os vereadores. No caso das homenagens nas denominações de ruas, o prefeito lembrou que “são pessoas dedicaram suas vidas na construção de Araraquara e deixaram um legado para a cidade”.

Sobre a mudança de raio para metros lineares na distância da instalação de depósitos de recicláveis, o prefeito destacou que isso “vai facilitar muito o trabalho de fiscalização da Prefeitura”, já que a medição por raio (distância em relação ao centro de um círculo) dificulta a atuação do fiscal.

Edinho ainda afirmou que a conscientização sobre a Síndrome de Down é muito importante. “Precisamos trabalhar para que a sociedade seja inclusiva. E a conscientização é o nosso único instrumento. Esse sentimento tem que ser construído”, disse o prefeito.

Participaram da solenidade os vereadores autores das leis municipais, familiares dos homenageados e representantes do Instituto Conviva Down.